Monumento alusivo à Iemanjá é referência em Tramandaí. FOTO: PREFEITURA DE TRAMANDAÍ

Homenagens marcam o dia de Iemanjá e de Nossa Senhora dos Navegantes

As homenagens a Nossa Senhora dos Navegantes e a Iemanjá movimentam o litoral nos próximos dias. As programações incluem celebrações em terra e no mar, bem como apresentações artísticas e devem atrair centenas de fiéis às festividades, que são uma alusão ao dia 2 de fevereiro.

Em Tramandaí, a Secretaria Municipal de Turismo e Desporto inicia, na sexta-feira, 1º, a “Festa de Iemanjá: um espetáculo de Fé e Amor à Beira-Mar”. As festividades começam a partir das 21h e terá homenagem à Iemanjá com oferendas ao mar; barcos; orações ao som de tambores e atabaques e show pirotécnico. A programação inicia com apresentação do Grupo de Dança Afro Ododuá e Show Musical e, às 23h45min, haverá participação da banda da Brigada Militar.

Após a meia noite, nos primeiros minutos de sábado, 2, haverá a chegada da imagem de Iemanjá com queima de fogos; na sequência, a partir da 0h30min, sessão de passes no palco principal. Serão distribuidas fitas e frutas durante a festa. Paralelo às atividades, ocorre a Feira de Ritos Afro-Brasileiros e consultas através de Jogo de Cartas e Búzios, na Avenida Beira-Mar, junto ao monumento de Iemanjá. A feira iniciou na quarta-feira, 30, e segue até domingo, das 9h às 23h.

A paróquia Nossa Senhora dos Navegantes, que abrange as comunidades de Tramandaí e Imbé, celebra a 111ª edição da festa de sua padroeira neste sábado. O frei Irineu Trentin observa que a programação já iniciou com a novena, que ocorre até sexta-feira, 1º, às 19h, na Igreja Nossa Senhora dos Navegantes, em Tramandaí, e de Nossa Senhora de Fátima, em Imbé. As atividades seguem no sábado, 2, com missa às 10h30min na Igreja Matriz, seguida com almoço festivo. À tarde, haverá missa na Igreja Nossa Senhora de Fátima, às 18h. Após, os fiéis seguem em procissão até as plataformas de pesca, junto ao Rio Tramandaí, onde as comunidades se juntam na celebração da tradicional missa alusiva à data. Conforme frei Irineu, a previsão é que a procissão chegue por volta das 19h30min na plataforma, quando então iniciará a celebração. Ele observa a beleza do cenário onde ocorrerá a missa e antecipa a participação do bispo da Diocese de Osório, da qual o município faz parte, Dom Jaime Pedro Kohl.

Deixe seu comentário