Os novos alunos da Escola de Formação e Especialização de Soldados (EFEs) de Montenegro organizaram uma campanha para arrecadar roupas, calçados e alimentos para ajudar famílias carentes no município. A entrega do material foi realizada na tarde desta sexta-feira, 7, na Associação Comunitária da Vila Esperança.

Conforme o sargento Pedro William Rodrigues, o objetivo dos alunos é auxiliar a comunidade que enfrenta dificuldades em decorrência da pandemia do novo coronavírus. “Eles resolveram se juntar e fazer essa ação beneficente para a comunidade mais necessitada. Essa iniciativa promove a interação dos alunos com a comunidade, com isso a gente quer tirar aquela imagem da polícia repressora, que só vem nas horas ruins. Trabalhamos ações mais humanitárias, mostrando que a gente também se solidariza com o que acontece com o próximo”, diz o sargento.

Um total de 167 alunos-soldados estiveram envolvidos na iniciativa que arrecadou mais de 400kg de alimentos. Mantimentos esses entregues à famílias como a da dona de casa Débora Katiana Caetano Lara, de 36 anos.

Débora tem três filhos, uma jovem de 19, e dois meninos, um com 17 e outro de 10 anos de idade. O marido dela trabalha com reciclagem, mas por orientação médica, por causa da pandemia, está em casa. “A situação está feia”, conta a cidadã.

A distribuição dos itens foi organizada pelo Núcleo Maria Maria, da Central Única das Favelas (CUFA). Cerca de 100 mães de famílias receberam kits com doações e uma porção de sopa. Os produtos recebidos nesta sexta-feira trarão um momento de alento nos lares das famílias de moradores da Vila Esperança.

A vice-presidente da Associação Comunitária da Vila Esperança e diretora do Núcleo Maria Maria, Carliane Pinheiro, (Kaká), explica que a distribuição foi organizada por meio dos cadastros do projeto Mães da Favela, inciativa que já presta auxílio a essas famílias.

O gesto dos alunos-soldados foi destacado por Kaká. “Achamos essa ação maravilhosa, vai ajudar muitas mães nessa época de pandemia”, conclui.

 

Deixe seu comentário