Ambulatório de especialidades está fechado desde novembro de 2018. Foto: Arquivo Ibiá

O Hospital Montenegro 100% SUS convocou, na semana passada, uma reunião com os Secretários Municipais de Saúde dos 14 municípios do Vale do Caí que têm como referência de atendimento o HM. Durante o encontro, a direção da casa de saúde apresentou três grandes temas para discutir com os representantes dos municípios.

Um possível retorno do ambulatório de especialidades e os indicadores de atendimentos realizados entre 2017 e 2018 foram apresentados. Diretor Administrativo do hospital, Carlos Batista da Silveira destacou que o valor gerado pelos atendimentos do Pronto Atendimento são maiores que os repasses negociados com os municípios.

Conforme o HM, os secretários devem buscar os valores que o Estado deve à casa de saúde, que atualmente somam R$ 6.379.983,92. Essa ação pode viabilizar o retorno dos atendimentos das consultas de especialidades. As formas de doações que podem ser feitas pela comunidade à instituição, também foram apresentadas. O cidadão pode acessar o site do HM ou buscar mais informação na secretaria de saúde do município onde mora.

Deixe seu comentário