Livros são a grande atração da Feira do Livro, mas não a única

Evento faz parte da celebração dos 30 anos de emancipação política do Município

Livros, teatro, exposição de fotos e atividades ao ar livre fizeram parte do lançamento da 12ª Feira do Livro de Pareci Novo e da programação de aniversário de 30 anos de emancipação política do Município na manhã desta sexta-feira, dia 18. O evento segue durante a tarde e começo da noite de hoje e na manhã de sábado, dia 19. As atividades ocorrem na área da Praça dos Imigrantes e da Rua Coberta Oregino José Francisco, no Centro.

Teatro de bonecos aprendeu atenção da garotada na manhã desta sexta-feira

Na manhã desta sexta-feira, os espaços da Feira do Livro foram tomados por estudantes de diferentes níveis de ensino das escolas municipais. A professora do segundo e do terceiro ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Catharina Fridolina Weissheimer Raquel Machado, garantiu que eventos como a Feira do Livro são fundamentais para as crianças por incentivar a leitura e também permitir a interação. Raquel, que pela manhã estava na feira com sua turma do segundo ano e à tarde volta ao evento com a turma do terceiro ano, destaca que durante a semana as turmas se organizaram para a visitação. “Eles (os alunos) estavam ansiosos esperando o dia da feira”, comentou.

Presentes também podem se desafiar na slackline

Aluna do nono ano da EMEF José Pedro Mendel, Fernanda Raimundo, 14 anos, achou o que procurava nos estandes da Feira do Livro: a obra “Jardim dos Sonhos”, um livro para colorir. “Achei bom (os títulos encontrados nos estandes), mas está tudo muito caro”, observou. Para o ato de leitura não esbarrar no preço dos livros, fez parte do ato de abertura da feira o lançamento da Estante Literária Alfredo Roque Colling.

Localizada na área externa da Casa do Produtor Rural, a estante conta com mais de 130 exemplares doado e que podem ser retirados gratuitamente pela população. No entanto, há regras: o livro deve ser devolvido para que outras pessoas façam a leitura da obra e é necessário cuidar da integridade física dos livros retirados. Se alguém tiver interesse em fazer uma doação, ela deve ser entregue na secretaria municipal de Educação para ser catalogada.

Munícipes podem retirar livros gratuitamente na estante literária, mas precisam observar algumas regras


Patrona ressaltou importância da leitura

A 12ª Feira do Livro de Pareci Novo tem como patrona Ranides de Mello Streit. Natural de Montenegro, a escritora e poetisa de 79 anos vive há 61 em Pareci Novo, onde atuou como professora. A autora tem preferência pela escrita da poesia, mas também desenvolve contos para serem utilizados nas escolas locais e está perto de lançar sua autobiografia.

Ranides se disse lisonjeada por ser a patrona da feira

Sentindo-se lisonjeada por ser patrona, Ranides destacou a importância da leitura. A poetisa apontou que o ato de ler permite que a pessoa viaje, desenvolva sua mente e também se envolva num mundo de fantasia. “Tem que ter um pouco de fantasia para aguentar a vida”, observou. “A leitura tem um poder muito grande sobre nós”, complementou.

Em sua fala, a secretária municipal de Educação de Pareci Novo, Paula Marnelise Streit, ressaltou que a leitura também é importante para o futuro. Ela garantiu que nunca faltará empenho por parte do Executivo para a realização de ações como a Feira do Livro e saudou a boa presença de estudantes, a grande razão de ser da feira.

Abrindo oficialmente a 12ª Feira do Livro e a programação de aniversário de 30 anos de Pareci Novo, o prefeito Paulo Alexandre Barth destacou o Município e suas figuras importantes. Ele deu destaque especial a Armim Adolfo Heldt, primeiro prefeito, e Oregino José Francisco, que foi eleito prefeito de Pareci Novo por três vezes. “São pessoas que nunca mediram esforços para o crescimento de Pareci Novo”, ressaltou.

Atividades seguem sábado e domingo

As festividades pelos 30 anos de Pareci Novo estão apenas começando. No sábado, dia 19, além da Feira do Livro, haverá, às 9h, passeio ciclístico com saída da Praça dos Imigrantes. Às 18h, acontece missa de ação de graças pelos 30 anos de Pareci Novo, na Igreja Matriz. Depois, na Rua Coberta Oregino José Francisco, acontecem apresentações musicais com o grupo vocal do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Charla Galponeira, Alexandre César e banda e Wilceu e Mari Pause.

As atividades seguem no domingo, primeiro no Estádio Municipal Osório de Souza Nunes, onde, a partir das 14h30min, acontecem as finais do Torneio da Emancipação. Antes, haverá amistoso da escola de futebol Fera. Às 18h, na rua coberta, acontece show com Yasmim & Maurício. A banda Nave Som se apresenta às 20h30min, antes, às 20h, ocorrerá a revelação dos vencedores do concurso fotográfico.

Deixe seu comentário