Representantes do Executivo e da Sicredi estiveram reunidos na última semana. FOTO: Prefeitura de Maratá

Parceria entre Executivo e Sicredi iniciou em 2020 e será mantida

O projeto de educação financeira nas escolas desenvolvido pela cooperativa de crédito Sicredi terá continuidade em Maratá. A definição se deu após reunião com representantes da instituição financeira e da secretaria municipal de Educação e Cultura. A adesão de Maratá ao programa ocorreu ainda no ano passado, quando professores da Rede Municipal de Ensino participaram de capacitações on-line.

Conforme Raquel Schwingel, responsável pela área de relacionamento da Sicredi Ouro Branco, todos os professores de Ensino Fundamental e de Educação Infantil estão habilitados a participarem do projeto. Já a professora e consultora do programa, Elisabete Penz Beuren, destaca que o programa visa fortalecer os vínculos entre instituição e comunidade, transcendendo os espaços escolares.

“As crianças levam às famílias a conscientização de como administrar os recursos financeiros”, aponta Elisabete. A professora observa que além dos estudantes serem disseminadores das boas práticas de administração dos recursos financeiros das famílias, professores e comunidade escolar passam a ter novos conhecimentos relacionados às finanças. “Trabalhamos a importância de preservar o recurso individual dos cidadãos, para melhorar a qualidade de vida e também concretizar a realização dos sonhos de cada um”, destaca.

A secretária de Educação e Cultura de Maratá, Jussara Henriques Dutra, reconheceu os esforços da equipe da secretaria que aderiu ao projeto e incentivou professores e alunos a aprenderem mais sobre o assunto. “Queremos dar continuidade aos trabalhos de educação financeira em nosso município, proporcionando aprendizados às famílias, para que possam cada vez mais estarem tranquilas quando o assunto é dinheiro e economias”, pontua Jussara.

Durante encontro realizado na última semana na agência da cooperativa em Maratá, a Sicredi Ouro Branco fez a entrega do inventário do que foi realizado em 2020, bem como material com a descrição do material pedagógico criado pela instituição para a execução do programa.

Criado há três anos, o projeto é um acréscimo no que diz respeito à educação financeira nas escolas, aprendizagem essencial desde 2018, conforme a Base Nacional Comum Curricular (BNCC). As atividades do programa não estão apenas inseridas na disciplina de matemática, mas também em outras áreas, inclusive de ciências humanas.

Deixe seu comentário