Comissão formada por cinco vereadores tem 90 dias para concluir seus trabalhos. FOTO: Arquivo/Jornal Ibiá

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada na última semana na Câmara de Vereadores de Maratá terá nesta quarta-feira, dia 19, a sua primeira reunião. O grupo foi formado para investigar supostas irregularidades na entrega de cestas básicas para as famílias de Boa Esperança e de Esperança que tiveram suas propriedades atingidas por um tornado na madrugada do dia 8 de junho de 2017.

A CPI tem como presidente o vereador Maico Schmitt (PSD). O relator é o vereador Miguel Henrique Broilo (PTB). Completam a comissão os vereadores Alexandre Dirceu Escher (PTB), Luiz Bernardo Stein (PSDB) e Nildo de Souza (PSDB). A CPI tem prazo de 90 dias para concluir seus trabalhos.

Deixe seu comentário