Em 2017, a agricultura familiar aumentou seu volume de vendas em 40%

A 20ª Feira da Agricultura Familiar da Expointer, em Esteio, terá 280 estandes para exposição e comercialização de 285 produtores, entre agroindústrias, artesanato, plantas e flores. A participação aumenta 41% em relação ao ano passado, quando foram oferecidos 198 espaços. Essa valorização vai ao encontro da preferência dos visitantes, que naquela edição permitiram vendas em R$ 2,8 milhões, volume 40% superior à edição de 2016.

Esses números motivaram o governo a aumentar a estrutura física à agricultura familiar, com inauguração do novo pavilhão de 7 mil metros quadrados. Ao longo dos nove dias da Feira, o seguimento apresentará o trabalho de 1.350 famílias de 106 municípios gaúchos. “Esta é a vigésima participação da agricultura familiar nesta feira. Um lugar de diversidade, já consagrado como polo difusor da qualidade dos produtos de nossos agricultores”, declarou o secretário do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Tarcisio Minetto.

Conforme o responsável pela pasta, 283 agroindústrias gaúchas se inscreveram este ano e 275 foram homologadas pelos organizadores. Destes, 76% são agroindústrias e 24% expositores de artesanato, plantas e flores. Os empreendimentos gaúchos ocuparão 270 estandes, mas alguns espaços serão ocupados por duas agroindústrias, acomodando assim todos os empreendedores aprovados pela comissão organizadora.

Todas as iniciativas familiares gaúchas participantes são incluídas no Programa Estadual de Agroindústria Familiar (Peaf), coordenado pela Secretaria. Além de corredores mais amplos para circulação do público, a feira terá capacidade para servir refeições a 400 pessoas simultaneamente, com uma área para praça de alimentação dobrada.

Presença de visitantes de Minas Gerais na feira em Esteio
Outra melhoria aos pequenos é o aumento da área dos estandes, que passaram de quatro para seis metros quadrados. E agora, conta ainda com espaço para um pequeno depósito de produtos. As melhorias permitem também a ampliação do número de agroindústrias de fora do Rio Grande do Sul. Serão 10 empreendimentos de Minas Gerais, por meio de parceria com a Fetag/RS.

A Feira da Agricultura Familiar na Expointer é viabilizada com a parceria entre Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead), ligada à Casa Civil da Presidência da República. A administração é da Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, em conjunto com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Irrigação, Emater, Fetag/RS, Fetraf/RS e Via Campesina.

Serviço
Expointer 2018: De 25 de agosto a 2 de setembro
No Parque Assis Brasil, em Esteio

Deixe seu comentário