Entidades temem que privatização desqualifique o serviço e eleve preços para a população

Empenhando-se na defesa da Companhia Rio-grandense de Saneamento (Corsan) como empresa pública do Rio Grande do Sul e contra a aprovação da PEC 280/2019, entidades representativas dos funcionários da Corsan formaram o Fórum em Defesa da Água e do Saneamento. Em Montenegro, diversas organizações se uniram ao Fórum e lançaram um manifesto pela Corsan pública em defesa da água e contra a PEC, e estão em busca de adesões e discussão com a comunidade montenegrina.

Anunciada pelo governador Eduardo Leite, durante uma live no dia 18 de março, a decisão de privatizar a Corsan gerou grandes mobilizações prós e contras no Estado. Delegado sindical do SindiÁgua em Montenegro, Antonio Henrique Schommer, acredita que a mudança seria um grande erro para a vida dos gaúchos. “Não vai melhorar a água e vai ficar no mínimo 40% mais caro; e as pequenas cidades como vão ficar?”, fala.

Através do manifesto, os representantes do Fórum em Montenegro acreditam ser uma forma de barrar a PEC 280 que retira a obrigatoriedade da realização de plebiscito para a venda de Corsan, Banrisul e Procergs. Aprovada, em primeiro turno, com 33 votos favoráveis e 18 contrários, a PEC deve ser votada novamente apenas em junho, após recurso das bancadas do PT, PDT e Psol enviado para CCJ.

A estatal de saneamento básico atende 317 dos 497 municípios do Estado, e de acordo com o presidente do PT de Montenegro, Ricardo Kraemer, é um patrimônio público que não deve ser negociado. “Aqui se investiu muito em produtos químicos, cloro; não se economiza para tratar água”, fala. Ricardo cita também dentre os pontos positivos a tarifa social, em que mais de 200 famílias do Município recebem até 60% de desconto em suas faturas.

O documento agrega assinaturas de entidades, partidos, profissionais e sociedade civil que não desejam a privatização da água, através dos serviços da Corsan. Dentre elas estão: Associação Engenheiros e Arquitetos de Montenegro – AEMO, União Montenegrina de Associações Comunitárias; Cpers Sindicato/Montenegro; Espaço Comunitário Vale do Caí; Sindiágua/RS – Representante Sindical e Partido dos Trabalhadores de Montenegro. A privatização da Corsan será tema de uma live promovida na página do Facebook do PT Montenegro. A data e o horário ainda serão divulgados no canal.

Deixe seu comentário