Anúncio foi feito pelo governador, Eduardo Leite, em transmissão ao vivo pela internet Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini

O governo do Rio Grande do Sul divulgou, nessa terça-feira, 20, os vencedores da primeira etapa do Prêmio Te Vacina RS, que busca reconhecer e valorizar os municípios que mais vacinaram contra a Covid-19 no RS. Dessa vez, nenhum município do Vale do Caí foi premiado.

O cálculo levou em consideração as vacinas aplicadas em relação às doses distribuídas em quatro categorias. São duas etapas com premiação de R$ 625 mil, esta e outra com divulgação em 20 de agosto.
O decreto do prêmio define que a aplicação dos recursos deverá ser em ações na Atenção Primária à Saúde. Os municípios contemplados serão obrigados a prestar contas em Relatório de Gestão. O pagamento vai ser realizado por meio do Fundo Estadual de Saúde aos Fundos Municipais de Saúde.

De acordo com a secretária da Saúde, Arita Bergmann, 186 municípios alcançaram 100% da aplicação da primeira dose, e o desempate para o prêmio levou em conta o número de doses aplicadas como segunda aplicação. “Essa premiação demonstra que estamos conseguindo chegar em todos as regiões, em um processo que o orgulha o Estado. É um trabalho incansável de todos os municípios, em especial desses premiados hoje”, afirmou a secretária Arita, enfatizando que 449 municípios já aplicaram mais de 90% da primeira dose. (MG)

Os vencedores
Municípios acima de 100 mil habitantes (19 concorrentes):
1º lugar: Passo Fundo – R$ 150 mil
2º lugar: Uruguaiana – R$ 100 mil
Municípios entre 50 mil e 99.999 habitantes (26 concorrentes):
1º lugar: Santa Rosa – R$ 100 mil
2º lugar: São Borja – R$ 75 mil
Municípios entre 10 mil e 49.999 habitantes (123 concorrentes):
1º lugar: Tenente Portela – R$ 75 mil
2º lugar: Arroio do Sal – R$ 50 mil
Municípios abaixo de 10 mil habitantes (329 concorrentes):
1º lugar: Vila Flores – R$ 50 mil
2º lugar: Barra do Rio Azul – R$ 25 mil

Deixe seu comentário