Foto: Arquivo/Jornal Ibiá

A Secretaria Municipal da Saúde de Montenegro recebeu uma nova remessa de imunizantes contra a Gripe e, nesta segunda-feira, 17, retomou a vacinação. A procura, acima do esperado segundo a administração municipal, provocou a falta de medicação na semana passada e a suspensão do serviço na sexta-feira. A aplicação ocorre nos postos de saúde.

No momento, são atendidos idosos acima de 60 anos e professores. Os professores devem apresentar algum documento que comprove o vínculo empregatício, como carteira de trabalho ou contracheque. Contudo, integrantes dos grupos beneficiados na primeira etapa – crianças de seis meses a menores de seis anos, gestantes de qualquer idade gestacional, puérperas (que tiveram bebês há até 45 dias), povos indígenas de qualquer idade a partir dos seis meses e trabalhadores da saúde em atividade – podem continuar indo aos postos.

É preciso ter cuidado para que haja um intervalo de 14 dias entre a vacinação da Gripe e da Covid-19. “A prioridade é a vacinação contra a Covid. Se a pessoa recebeu as doses, ela precisa esperar 14 dias para então tomar a da Gripe”, destaca Nicole Ternes, enfermeira chefe do Setor das Imunizações. Quem já foi imunizado contra a Covid precisa levar o comprovante da vacinação para a confirmação por parte da SMS.

Deixe seu comentário