legisladores querem presença de representantes da JLV e Prefeitura na reunião, motivada por matéria do Ibiá

Os vereadores montenegrinos querem esclarecer o suposto calote no pagamento da limpeza pública da cidade. O questionamento se deve a matéria publicada pelo Jornal Ibiá de 24 de fevereiro, na qual o proprietário da Construtora JLV, ao falar da suspensão da limpeza pública, citou o termo “calote”.
Com o intuito de esclarecer “possíveis irregularidades em pagamentos de obras realizadas pela Construtora”, seis legisladores – Joel Fabiano Kerber, Neri de Mello Pena, Erico Fernando Velten, Cristiano Von Rosenthal Braatz, Felipe Kinn da Silva e Juarez Viera da Silva – solicitam reunião no Legislativo. O Requerimento 021/17, em pauta na sessão de hoje, sugere que sejam convidados o representante da JLV, José Valmir Silveira D’Ávila, e a Prefeitura, em especial a secretária da Fazenda, Patrícia Kettermann Sant’Anna, e o da Administração, Rafael Riffel.
Os trabalhos desta noite iniciam às 19h, com a sessão comemorativa à Semana da Mulher Montenegrina/2016, que terá como oradoras as parlamentares Josi Paz e Rose Almeida, do PSB.

Deixe seu comentário