O atropelamento ocorreu próximo ao posto de combustíveis, no km 19 da RS-240. Foto: Polícia Civil

IDOSO foi atingido por caminhão quando atravessava a RS-240

Jurandir Antonio Wolff, de 72 anos de idade, foi sepultado na manhã dessa quinta-feira, 5, no Cemitério Municipal de Capela de Santana. O idoso foi atropelado por um caminhão, na tarde de quarta-feira, 4, quando fazia a travessia, a pé, no quilômetro 19 da RS-240, em frente ao posto de combustíveis. Conforme testemunhas, Jurandir teria atravessado de forma apressada.

Jurandir Antonio Wolff. Foto: Rep. convite Funeral

A Polícia Civil já ouviu testemunhas e o condutor do caminhão Iveco. O caminhoneiro disse que deslocava-se no sentido Montenegro/Portão quando a vítima atravessou o asfalto em frente ao seu caminhão. O condutor irá responder pelo crime de homicídio culposo – caracterizado por não haver intenção de matar.

O motorista foi submetido ao teste do etilômetro, mas não apresentou sinais de consumo de bebida alcoólica. O tacógrafo do caminhão registrou última velocidade em cerca de 83 km/h – segundo a PRE, a velocidade máxima permitida no trecho é de 50km/h. O caminhão foi recolhido, porém, como transportava materiais de uma empresa, foi liberado pela Polícia.

Os primeiros atendimentos foram prestados pela Polícia Rodoviária Estadual de Montenegro e pela Brigada Militar de Capela. O Samu chegou a ser acionado por populares, mas Jurandir morreu no local, sem tempo de ser socorrido.

Jurandir havia ido ao Centro de Capela para buscar remédios para sua companheira. A fatalidade ocorreu quando retornava para sua casa, no bairro Imigrantes. Ele não tinha filhos.

Deixe seu comentário