O novo bafômetro começou a ser usado no início da Copa América. Foto: PRF

Com o início da Operação Copa América 2019, na qual há  reforço de efetivo, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) começa a usar um novo bafômetro, que possui as funções ativa e passiva. O equipamento, na função passiva, serve como uma triagem para o policial, indicando se o condutor abordado fez ou não uso de bebida alcoólica, antes mesmo de o motorista soprar o etilômetro. Já na função ativa, o aparelho se assemelha ao utilizado normalmente, aferindo, através do sopro, a quantidade de álcool existente no organismo.

No modo passivo, o aparelho dispensa o uso dos bocais descartáveis e demanda menos tempo para conclusão da abordagem, o que diminui os gastos públicos e permite que mais motoristas possam ser fiscalizados, assegurando uma maior segurança viária.

O condutor flagrado em estado de embriaguez é autuado em R$2.934,70 , perde 7 pontos e ter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa.

Deixe seu comentário