A dupla é suspeita pelas mortes de Lindiomar da Silva de Ávila e Raul Corrêa Duro. Fotos: PC

MANDADOS de busca também resultaram em prisão de membros de facção criminosa

Uma operação conjunta entre agentes da Polícia Civil de Triunfo e de Montenegro resultou em quatro prisões nessa terça-feira, 8. Em Montenegro, dois homens foram presos preventivamente sob suspeita de envolvimento em dois assassinatos ocorridos este ano, em Triunfo. Já em Taquari, um casal membro de uma facção criminosa foi detido em flagrante pelo crime de Tráfico de Drogas.

Com o casal havia drogas e dinheiro fracionado. Fotos: PC

A operação denominada Alcatraz tem como objetivo combater o Tráfico de Drogas e crimes de homicídio. Ao todo foram cumpridos três mandados de busca. O trabalho começou na parte da manhã, em Montenegro. Dois indivíduos suspeitos de envolvimento nas mortes de Lindiomar da Silva de Ávila, de 19 anos, e de Raul Corrêa Duro, 53 anos, ocorridos em abril e junho deste ano, em Triunfo, foram presos preventivamente.

Já no período da tarde, em Taquari, a Polícia cumpriu o terceiro mandado de busca, Com o casal da organização criminosa, foram encontradas porções de maconha e dinheiro fracionado, o que segundo o delegado de Triunfo, Lúcio Melo, caracteriza a prática de tráfico. Vários telefones celulares e um veículo foram apreendidos e passaram por perícia técnica, no intuito de angariar mais provas para o indiciamento dos suspeitos.

Relembre os casos
Lindiomar da Silva de Ávila de 19 anos foi encontrado morto na manhã do dia, 16 de abril. De acordo com a Polícia Civil de Triunfo, o jovem foi visto por vizinhos, caído do lado de fora da casa onde morava, na localidade de Baixadão, na Coxilha Velha, em Triunfo. Contudo, o crime teria ocorrido durante a noite do dia 15.

O corpo de Lindiomar da Silva de Ávila foi encontrado em frente a casa onde ele estava morando. Foto: Reprodução

Testemunhas relataram aos policiais que ouviram o barulho de uma motocicleta próximo da residência por volta das 23h30min. A principal suspeita é que o condutor ou carona tenha efetuado os disparos. É provável que ele tenha saído da casa, após ter sido atingido, em busca de socorro. Lindiomar morava sozinho.

A Polícia não descarta a hipótese de o crime ter sido motivado pelo envolvimento dele com o tráfico de drogas, sendo que tem passagem policial pelo crime. Em junho do ano passado ele chegou a ser preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Montenegro.
Já a morte de Raul Corrêa Duro, 53 anos, foi registrada por volta das 22h do dia sete de junho, na Vila dos Morenos, também na cidade de Triunfo. Ele foi morto a tiros na sala de sua casa, num local conhecido por ser ponto de tráfico.

Deixe seu comentário