A primeira turma de guarda-vidas civis se formou nessa semana em Tramandaí. Fotos: Arquivo pessoal de Jaime Büttenbender

GRATIFICANTE. Essa é a terceira participação de Jaime Büttenbender na operação no litoral

Nessa terça-feira, 10, o Corpo de Bombeiros Militares (CBM) do Estado formou a primeira turma dos novos guarda-vidas civis, que irão atuar na Operação Verão Total 2020. A cerimônia ocorreu em Tramandaí. Neste grupo encontra-se Jaime Büttenbender, um montenegrino que participa pela terceira vez da Operação Verão.

A atividade de guarda-vidas é coordenada pelo CBM que por meio da Lei 15.817/18 integra em seu quadro de efetivo a contratação de guarda-vidas civis. Para chegar à função, os candidatos participam de processo seletivo, teste intelectual e formação no Curso de Capacitação. Jaime passou por tudo isso e trás consigo a experiência dos anos anteriores.

Aos 41 anos de idade, o montenegrino afirma que enquanto tiver vigor físico pretende continuar participando das operações na praia. Para ele, trata-se de uma função gratificante. No ano passado Jaime atuou na praia de Imbé. Desta vez, a intenção é ficar em Mariluz, onde sua família possui casa. Mas a definição sobre o local só ocorrerá após a formatura da segunda turma. Os trabalhos terão início no dia 21 deste mês.

Jaime coleciona lembranças de momentos especiais vividos durante a Operação Verão

Entre os momentos marcantes durante a Operação Verão (2018/2019), Jaime carrega a lembrança de ter acompanhado um cadeirante até o mar. “Ele estava com a mãe e vi que queria entrar na água. Ela estava com medo de levar o filho para o mar. Me aproximei e perguntei se poderia acompanhar ele. Levei o garoto para um ponto onde as ondas passavam por cima dele. Foi muito legal”, lembra.

Entre os civis de Montenegro, somente Jaime irá participar da Operação Verão. Os militares serão representados pelo soldado Mota, do Corpo de Bombeiros da cidade. A Brigada Militar não terá efetivo deslocado para a operação.

Deixe seu comentário