Ao centro, o comandante do CRPO/VC, tenente-coronel Márcio José Rosa da Luz. Foto: Reprodução

As equipes das patrulhas Maria da Penha do 5º Batalhão da Polícia Militar de Montenegro e do 27º BPM, de São Sebastião do Caí, contam com reforços em suas atividades. Na semana passada, 15 policiais participaram do processo de capacitação na Academia de Polícia Militar em Porto Alegre. Desses, 8 atuam na patrulha do 5º BPM e 9 no Caí.

A formatura dos patrulheiros ocorreu na última quinta-feira, 6, data em que se celebra o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres. A cerimônia de formatura de 162 policiais militares no Curso das Patrulhas Maria da Penha ocorreu em cerimônia no Auditório do GBOEx, na capital do Estado.

Após 30 horas de instrução que abordou temas como Estatística da violência doméstica e familiar no RS, Polícia Comunitária, aspectos gerais sobre violência de gênero e a Lei Maria da Penha, os policiais militares oriundos de 48 cidades gaúchas tornaram-se aptos a integrarem as Patrulhas Maria da Penha, iniciativa da Brigada Militar que, desde 2012, busca o enfrentamento qualificado da violência doméstica.

A solenidade da capital reuniu brigadianos que frequentaram cinco cursos realizados simultaneamente em Porto Alegre, Canoas, Caxias do Sul, Santa Maria e Pelotas.

Deixe seu comentário