A prefeitura de Montenegro fará a limpeza do terreno

Dona Leida Terezinha de Morais, de 63 anos, e seu Telmo Vicente Kaffer, 73, perderam tudo em um incêndio ocorrido há uma semana, menos a esperança em recomeçar do zero, pois o principal, a vida, não lhes foi tirada naquela fria noite, véspera de feriado. O casal morador da rua Dinamarca, no bairro Imigração, está morando na casa de um vizinho, até conseguir reconstruir sua casa.

Dona Leida mostra os itens que já ganhou e sonha com o que ainda está por vir

As primeiras doações já começaram a chegar. Com isso, seu Telmo até se alegrou um pouquinho e voltou a se alimentar melhor. Além da saudades de casa, ele lamenta ter perdido a TV e o rádio que lhe faziam companhia nas horas em que dona Leida estava ocupada com as tarefas domésticas.
Nesta quinta-feira, 26, uma equipe da secretaria municipal de Habitação irá até o antigo imóvel para providenciar a demolição da estrutura, que já foi condenada. Assim que a área estiver livre, chegarão as primeiras madeiras e tijolos doados. Contudo, o casal lembra que falta muito, inclusive a mão de obra, para reconstruir. Por isso, toda a ajuda continua sendo bem-vinda.

Empresários, lojistas e cidadãos em geral que puderem colaborar com doações devem ligar para o telefone da dona Leida: 51 98017-7879. Cama de casal, colchão, cômoda, mesa, cadeiras e uma TV são os itens mais necessários, nesse momento, além dos materiais de construção

Deixe seu comentário