Arthur Silva tem auxiliado na retirada de cavalos das vias públicas

Desde domingo, dia 12, 10 cavalos passaram a causar transtornos, na altura do quilômetro 26 da ERS-124, em Montenegro. A comerciante Iraci Silvestrin relata que tentou prender os animais, mas eles escaparam das tentativas.

Temendo que possa ocorrer acidentes, nessa terça-feira, 13, Iraci pediu ajuda para o Grupo Rodoviário da Brigada Militar de Montenegro (PRE). Desde o início da manhã, os policiais mobilizaram esforços para resolver o problema, mas não foi fácil. Depois de serem informados que a Administração Municipal não poderia fazer nada para tirar os cavalos da via pública, a saída encontrada foi pedir a intervenção de Arthur Silva, voluntário que tem prestado apoio neste tipo de situação.

À tarde, Arthur esteve no local e conseguiu conduzir os cavalos para uma área privada. “Não sabemos de quem são esses animais, mas, se não aparecer ninguém pra tirar eles daqui em 48 horas, vou mandar eles pra outra cidade”, diz o fiel depositário dos animais. “Eu vim aqui fazer esse serviço pra evitar que alguém sofra um acidente, mas a responsabilidade não é minha”, acrescenta.

A Administração Municipal informa que não possui estrutura e nem espaço adequado para a guarda os animais, e que tem trabalhado na construção de parcerias com este objetivo. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente pede o apoio dos proprietários de animais para uma guarda consciente e cuidadosa, e lembra que acidentes provocados por eles, podem resultar em penalização criminal. (CA)

Deixe seu comentário