Ao total 33 alunos se formaram e estão aptos para o trabalho

Cursos do Senac e Senai em parceria com a Prefeitura ajudam na inserção de montenegrinos no mercado de trabalho

Encontrar um espaço no mercado de trabalho está difícil. O cenário econômico aliado à falta de experiência faz com que muitas pessoas fiquem desempregadas mais tempo do que poderiam. Porém, nesta semana, diversos montenegrinos deram um passo a mais para o tão esperado emprego através da qualificação profissional. Ocorreu nesta segunda, 25, e quarta-feira, 27, a formatura dos cursos de Vendedor do Senac e de Mecânico de Refrigeração e Ar-condicionado do Senai. Agora o mercado conta com 11 vendedores e 22 mecânicos de refrigeração capacitados para atuar regularmente.

Como forma de incentivar os montenegrinos a se profissionalizarem os cursos foram gratuitos, em um convênio entre a administração municipal e as duas instituições. Em uma turma variada com alunos de todas as idades e experiências, a jovem de 21 anos, Bruna Bender, viu sua oportunidade de evolução pessoal.

Bruna conseguiu um emprego depois do curso

Desempregada e com o objetivo de conseguir um trabalho com atendimento ao público, Bruna não tinha nenhuma experiência na área e percebeu que precisava de algo para se encaixar no mercado. “Eles não contratavam gente que não tinha experiência, e aí eu pensei em fazer um curso de vendas no Senac, e bem na mesma época apareceu esse de graça que tem o apoio da Prefeitura, foi muita sorte”, conta.

Já integrada ao curso, ela resolveu então buscar novamente emprego, e com a ajuda das aulas e dicas que recebeu, Bruna conseguiu a sua vaga. “Agora sou vendedora no mercado e estou bem feliz. Tudo que eu aprendi estou conseguindo colocar em prática no meu serviço”, fala. Segundo ela, o aprendizado foi muito além da venda, envolveu o autoconhecimento e o desenvolvimento pessoal.

Expectativas para o futuro
Assim como Bruna, o motorista Paulo Cézar Limberger, 34, que formou-se em Mecânico de Refrigeração e Ar-condicionado, já conseguiu alguns serviços na área graças ao curso. “Já fiz alguns trabalhos como concertos em escola e instalação de ar-condicionado”, relata.

Buscando uma renda extra, entrou no curso do Senai, porém, agora já vê outras possibilidades para si. “Agora já vi que futuramente eu posso atuar só nessa área. Estou muito feliz com a formatura, e vou buscar mais cursos futuramente”, fala. Segundo Cézar, o ensino foi rigoroso, com direito a provas, trabalhos e partes práticas, mas considera a experiência extremamente valiosa para si.

Outra vida impactada por essa oportunidade foi a de Andréa da Costa, 35. Trabalhando no comércio desde 2010, teve curiosidade no curso de Vendedor, e vontade de aprimorar os seus conhecimentos, e de quebra ter mais uma qualificação no seu currículo.

Paulo já pensa nas suas próximas capacitações

“Esse curso foi maravilhoso, pelo perfil traçado, as profes eram bem objetivas quanto às metas e foco ao cliente. Mas, primeiramente, nós como pessoas nos conhecemos e descobrimos as nossas qualidades, pontos fracos e fortes para que a gente pudesse também dar o melhor para o nosso cliente no dia a dia”, destaca.

Andréa conta que a família apoiou o tempo todo, e que isso foi essencial para a sua evolução no curso. Às vezes com ações, às vezes só com palavras, os seus entes estiveram ao seu lado, e com essa ajuda, a vendedora já está querendo alçar vôos mais altos depois da formatura. “Já penso em fazer outro curso, aqui mesmo. E foi muito legal aproveitar essa oportunidade da Prefeitura junto com o Senac de abrir as portas. Se o comércio em si tivesse essa visão de qualificar os nossos vendedores, com certeza o nosso comércio de Montenegro seria um dos tops 10”, fala.

Investimento no mercado de trabalho montenegrino
Por trás da felicidade dessas 33 pessoas formadas nesta semana, está também a felicidade de quem possibilitou essa chance. De acordo com o prefeito de Montenegro, Kadu Müller, a iniciativa iniciou em 2018 com a realização de mapeamento das necessidades do município. “Nós trabalhamos muito forte nesse diagnóstico e achamos a oportunidade junto com o Senai e Senac para oferecer esses dois cursos, e estamos vendo essa parceria muito positiva, pois está qualificando mão de obra e colocando profissionais no mercado de trabalho e gerando oportunidades”, diz o prefeito.

Turma de Mecânico de Refrigeração e Ar-condicionado

Feliz com esse encerramento de ano Kadu pontua que esse é um momento ótimo para os profissionais que se formaram. “No final de ano as empresas contratam bastante e estamos vendo que vai ser bem oportuno, e o técnico em refrigeração da mesma forma, ele entra bem nesse período de calor que tem muita instalação de ar-condicionado”, fala. Já pensando nas atividades do próximo ano, a expectativa agora é de realizar mais projetos como esse para mais qualificações.

Empolgado com esta parceria também estava o gerente de operações do Senai Montenegro, Marcos Cruz, que a classifica como produtiva e positiva. Segundo ele, é muito importante colaborar com a comunidade formando novos profissionais que a cidade precisa. “Esses novos profissionais poderão agora contribuir e com essa certificação que eles estão recebendo com o nome Senai muitas portas serão abertas para eles”, diz Marcos.

Deixe seu comentário