Provas estão marcadas para ocorrer no dia 8 de dezembro. FOTO: Divulgação/IFRS

São ofertadas 4.800 vagas em cursos técnicos de nível médio e de graduação em 17 campi

Estão abertas até o dia 10 de novembro as inscrições para o processo seletivo de estudantes 2020/01 do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS). São ofertadas mais de 4.800 vagas em cursos técnicos de nível médio, Educação de Jovens e Adultos (EJA) e em cursos de graduação para ingresso no primeiro semestre de 2020 nos 17 campi da instituição, sendo que um deles está localizado no Vale do Caí: o campus Feliz. Todos os cursos são gratuitos.

A inscrição deve ser feita pelo site https://ingresso.ifrs.edu.br. Para se realizar a prova de ingresso no curso técnico há uma taxa de R$ 35,00. Para os alunos que buscam uma vaga num dos cursos de graduação o valor da taxa sobe para R$ 50,00. Informações, orientações e conteúdos programáticos das provas podem ser consultados nos documentos chamados de editais, também disponíveis no site de ingresso. As provas serão aplicadas em 8 de dezembro.

No campus Feliz são oferecidos os cursos técnicos integrados ao Ensino Médio de Química, Meio Ambiente e Informática, além dos cursos superiores de Engenharia Química, licenciatura em Química, licenciatura em Letras – Inglês e Português, Tecnologia em Processos Gerenciais e Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas. Os demais campi estão localizados em Alvorada, Bento Gonçalves, Canoas, Caxias do Sul, Erechim, Farroupilha, Ibirubá, Osório, Porto Alegre, Restinga (Porto Alegre), Rio Grande, Rolante, Sertão, Vacaria, Veranópolis e Viamão.

O exame de seleção para os cursos técnicos integrados ao Ensino Médio constitui-se de prova com 40 questões objetivas que visa à avaliação dos conhecimentos adquiridos pelos candidatos nas matérias do núcleo comum do Ensino Fundamental. Esses cursos permitem a formação de Ensino Médio e técnica profissional simultaneamente. Têm como pré-requisito para ingresso o Ensino Fundamental concluído.

Os cursos superiores têm como pré-requisito para ingresso o Ensino Médio concluído. Na hora de inscrever-se no processo seletivo para um curso superior, o estudante pode optar por uma das alternativas: ingresso mediante “prova e nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)”; apenas por “nota do Enem”; ou “somente prova”. No caso de optar pela nota do Enem, ele deve indicar o ano que deseja o aproveitamento (de 2014 até o atual). Ao optar pela prova, o candidato deverá prestar um exame com uma avaliação de redação e 45 questões objetivas. Vale lembrar que o IFRS não participa mais do processo pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

Deixe seu comentário