Além das reuniões dos grupos de estudo, os professores também participam de oficinas foto: Sandra Mara Rhoden

Desde o ano de 2001, a Instituição de Ensino é um polo do Instituto Arte na Escola, que oferece as capacitações

É professor e quer se qualificar para oferecer aulas diferenciadas aos alunos? A Fundarte pode ajudar. Desde 2001, a Fundarte se tornou um dos cinco polos da Rede Arte na Escola do Rio Grande do Sul. Assim como as demais unidades da Rede, a de Montenegro propicia uma formação continuada para professores que atuam na Educação Básica, independentemente se a área de formação desses docentes Para isso, são feitos grupos de estudos com os professores participantes e cursos curtos, para qualificá-los e instigá-los em relação às quatro áreas artísticas, que são o teatro, a dança, a música e as artes visuais.

O Instituto Arte na Escola é uma instituição civil e sem fins lucrativos, localizada na capital de São Paulo. Fundada no ano de 1989, tem como principal objetivo qualificar, reconhecer e incentivar o ensino da arte nas escolas, por meio de uma formação continuada para professores que atuam na Educação Básica. Hoje em dia, a instituição possui 39 polos espalhados por 37 cidades, em 19 estados do Brasil, para melhorar o ensino de arte no país. O Instituto vê a arte como objeto do saber que pode servir para o desenvolvimento de habilidades perceptivas, capacidade reflexiva e de consciência crítica, além de desenvolver a criatividade e a auto-expressão.

Anualmente, as atividades dos grupos de estudo ocorrem de abril até dezembro, com reuniões mensais. No mês de agosto, serão realizadas duas reuniões no Polo Fundarte. A coordenadoria do polo é feita por Sandra Mara Rhoden, docente da Fundarte, mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e graduada nos cursos de Artes Visuais e de Música pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Uergs). Sandra conta que, além das atividades por ela coordenadas, em cada encontro recebem um profissional para ministrar uma oficina teórica ou prática.

Deixe seu comentário