Feira contou com 14 projetos de interesse dos alunos

Os estudantes do Programa de Contraturno do Sesi apresentaram, na manhã dessa sexta-feira, 10, os projetos realizados com a supervisão do professor Lucas Braga. Trabalhando também nas áreas de Corpo, Ritmo e Expressão e de Sustentabilidade e Empreendedorismo, o assunto da vez foi Pequisa e Tecnologia, onde os alunos de 11 a 13 anos se juntaram em grupos para trabalharem assuntos de seu interesse.

Segundo o professor, o objetivo é se envolver com pesquisa e as etapas que formam o processo. “A feira é proposta em grupos, para que eles aprendam a fazer um projeto de pesquisa com assuntos do interesse deles, sempre com orientação e consulta na internet e na biblioteca da escola”, conta. Lucas também contou que outras escolas foram convidadas para presenciar o evento, com intuito de compartilhar os projetos com a comunidade. Ao total, 14 projetos foram apresentados, todos escolhidos pelos próprios alunos.

Felipe Cardoso Ferreira, de 12 anos, apresentou o projeto Mundo das Cores. Nele, Felipe explica que as pessoas estão dando a mínima para cores. “Com cada cor, sentimos algo diferente, queremos mostrar o significado disso”, clarificou. Ele também deu o exemplo de praças públicas, que são cheias de cor. “É para ensinar aos adultos que não é só preto, branco e cinza”, concluiu.

Guilherme Soares Ranns, de 11 anos, e Murilo de Oliveira Paulos, de 9, fizeram um trabalho relacionado à aeronáutica, explicando a história dos aviões, desde a sua criação até os tempos atuais. “Os irmãos Wright criaram o avião, mas ele não voou. O de Santos Dumont, sim”, explicaram. Além disso, os garotos apresentaram modelos de avião, companhias e o funcionamento de um aeroporto.

Deixe seu comentário