O Gol foi um dos carros mais procurados pelas empresas do país no ano passado

A maior parte das montadoras – Chevrolet, Fiat, Ford e Volkswagen entre elas – oferecem descontos especiais para a venda de carros zero a empresas. É o chamado “desconto CNPJ”. Não há um percentual pré-estipulado, mas o abatimento pode ir dos 2,5% até 30% no valor do veículo. E até mesmo os microempreendedores individuais (MEI’s) podem fazer uso do benefício.

O MEI é a categoria empresarial mais simples. Foi criada para incentivar a regularização de pequenos empresários – como ambulantes, por exemplo – que pagam uma taxa mensal para terem alvará e direitos previdenciários, por exemplo.

Para conseguir desconto na compra do carro, o empreendedor precisa buscar a concessionária com os documentos da empresa (contrato social e inscrição estadual). O veículo, então, fica vinculado ao CNPJ do empreendimento. O desconto dado é abatido no custo referente ao ICMS sobre a venda.

Mas para evitar “rolinhos”, o Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) define que o carro comprado precisa ficar no nome daquela companhia pelo prazo mínimo de um ano. Então nada de abrir um negócio só pra aproveitar o desconto. De acordo com a Fenabrave, as vendas de veículos para empresas – MEI’s ou não – cresceram 23% no primeiro semestre do ano passado. Chevrolet Onix, Fiat Strada e Volkswagen Gol foram os mais procurados.

Deixe seu comentário