Foto: pixabay

Alguns números e notícias divulgadas recentemente mostram que os municípios do Vale do Caí estão em alta no Rio Grande do Sul. Além do aumento populacional divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a região também se destacou pelo crescimento e pela diversificação da economia local. As cidades do leste gaúcho estão buscando cada vez mais alternativas, seja no mercado físico ou até mesmo no digital.

Em agosto do ano passado, a estimativa da população feita pelo IBGE para 2020 chamou atenção para as cidades do Vale do Caí. Ao contrário do que aconteceu em 51% dos municípios do Rio Grande do Sul, a região viu um crescimento populacional e atingiu os mais de 258 mil habitantes. Isso significa um crescimento de 0,93%, se comparamos com a estimativa feita pelo órgão em 2019.

O aumento no número de pessoas pode ser interpretado de diferentes formas, mas a melhora econômica é um dos pontos mais importantes disso. Recentemente, a região começou a abrir portas para novos mercados, como a rede de fast food que abriu em Montenegro, e viu a economia local responder positivamente. Além disso, a região também começou a olhar mais para o mundo digital, uma área que está ganhando cada vez mais espaço no Brasil.

Comunicação digital

Nos dias 22 e 23 de outubro de 2019, o Campus Universitário Vale do Caí realizou o 1° Painel de Tecnologia Agrícola no Vale do Caí. O evento, que contou com o apoio da Prefeitura de São Sebastião do Caí e da Emater/RS, teve como foco a aplicação das tecnologias no agronegócio da região. A ideia do programa foi de incentivar o maior uso dessas inovações para aumentar o fluxo de produção e, consequentemente, a receita nos negócios.

Todo o evento foi transmitido online, e fez a região acompanhar uma tendência que já alcança boa parte do território brasileiro. O uso da internet como plataforma principal de comunicação é cada vez mais comum e eficiente. As várias plataformas de streaming disponíveis, por exemplo, possuem tecnologia o suficiente para que eventos como esse possam ser transmitidos em tempo real, independentedo número de pessoas. Além disso, também é possível utilizar as plataformas de compartilhamento de vídeo para apresentações gravadas. Neste caso, as empresas costumam utilizar serviços para criar vídeo com fotos, em plataformas como a Picture VideoMaker daInvideo, onde é possível adicionar músicas de fundo, imagens personalizadas da marca e outros detalhes que chamem atenção das pessoas. Por último, também não podemos deixar de fora as redes sociais, que são cada vez mais importantes para a comunicação das empresas.

Essa tendência digital alcançou o Vale do Caí e pode explicar um pouco o crescimento da região. Afinal, os municípios que souberem usar as novas tecnologias de maneira eficiente vão ganhar destaque na economia do Rio Grande do Sul. A digitalização das empresas é algo que já acontece na capital gaúcha, que costuma ser uma referência para os negócios realizados nas cidades menores.

Estimativa do estado

Enquanto o Vale do Caí chama atenção pelo crescimento populacional, uma boa parte do Rio Grande do Sul está passando por um processo de encolhimento. Como falamos antes, segundo dados do IBGE, 51% das 497 cidades gaúchas perderam habitantes em 2020. Apesar de o motivo ser variado, é um dado que pode indicar o futuro da região. Afinal, o índice mostra que uma metade do estado está crescendo e a outra não.

O crescimento populacional pode não ser uma garantia de crescimento econômico, mas é um sinal positivo para algumas cidades. O Vale do Caí é uma das regiões mais importantes do Rio Grande do Sul, e ter uma boa perspectiva de futuro para todos esses municípios é uma notícia importante em diferentes setores, principalmente para a economia gaúcha.

Deixe seu comentário