Índice havia ficado negativo em janeiro, mas mostrou recuperação em fevereiro

Mais uma vez, Montenegro fechou o mês no vermelho em relação à geração de empregos. Ontem, 25, o governo federal fez a divulgação dos índices do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, o Caged, e o panorama não é bom. Foram demitidos 539 trabalhadores no mês de março. De admissões, foram 499 no período, deixando o índice do Município em -40.

O ano já havia começado com as demissões em maior quantidade. Em janeiro, o índice ficou em -105 com todas as atividades mostrando índices no vermelho. Em fevereiro, o mês fechou melhor: 683 admissões e 602 desligamentos, acarretando em índice positivo de 81. Mas, agora, nova queda.

Em nível nacional, o saldo também foi negativo. No mês de março, foram fechadas 43.196 empregos com carteira assinada. Esse é o pior saldo para o mês desde 2017, quando foram fechadas 63.624 vagas.

No mesmo período do ano passado, o resultado foi positivo, com 56.151 vagas abertas. Apesar do fechamento de vagas no mês passado, o país acumulou criação de 179.543 vagas no primeiro trimestre, de acordo com o governo.

Deixe seu comentário