Mudanças em função da pandemia valem até dezembro. FOTO: GETTY IMAGES

As regras do empréstimo consignado para aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foram alteradas em meio a pandemia do coronavírus. As mudanças foram aprovadas pelo Conselho Nacional de Previdência e estão valendo, a partir desta semana, até o fim do estado de calamidade pública em razão da doença, em 31 de dezembro.

Uma das novidades é a maior rapidez para desbloqueio dos consignados – forma de empréstimo com desconto em folha do aposentado – que teve o prazo reduzido de 90 para 30 dias. Foi criada, também, a possibilidade de as instituições financeiras darem um tempo de carência de até 90 dias para desconto da primeira parcela do empréstimo. Anteriormente, esse pagamento se dava no mês subsequente à obtenção do crédito, em 30 dias.

Na mesma publicação, o Conselho autorizou alteração que, ao contrário das demais, será permanente.  Os cartões de crédito especiais para beneficiários da Previdência passam a contar com mais limite para compras e saques que foram de 1,4 para 1,6 vez o valor mensal do benefício. Sendo assim, quem utiliza os cartões pode, para cada R$ 1.000,00 de benefício que receber, realizar operações de até R$ 1.600,00.

Deixe seu comentário