Interessados foram entrevistados por terceirizada que está conduzindo a seleção

Como adiantado na coluna de vagas do Sine de ontem, a agência sediou na tarde desta quarta-feira, 12, processo seletivo para a contratação de motoristas com habilitação “D” e “E”. Tratam-se dos primeiros profissionais buscados em Montenegro para trabalharam nas obras do futuro pedágio do município, que está para ser construído no quilometro 426 da BR-386.

A empresa CCR Via Sul assumiu a rodovia federal – junto da 448, da 101 e da Freeway – no início deste ano. A construção da praça de pedágio está no contrato, regrada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e, por alguns meses, houve impasse entre construir a estrutura em Montenegro ou em Nova Santa Rita. Agora é oficial que ela fica no território montenegrino, com o canteiro de obras, inclusive, já sendo preparado.
Com a busca das vagas de motoristas, teve fila no Sine. A sala de entrevistas no andar superior do prédio lotou com cerca de 20 interessados em busca dos cinco postos de trabalho. A CCR contratou a especializada CMC – RH, de Porto Alegre, para realizar a seleção.

Prefeito Kadu Müller destacou a boa expectativa com as obras, que devem girar a economia
Conforme a coordenadora dos trabalhos, Jaqueline Franke, são visados motoristas de tráfego e de guincho para, principalmente, carregar as pesadas estruturas da obra. No decorrer da semana, os selecionados vão receber orientações das próximas etapas e, em 1º de julho, os contratados iniciam treinamento para, efetivamente, começarem a trabalhar.

Marcando o primeiro “retorno” da construção do pedágio à Montenegro, o processo seletivo contou com a presença do prefeito Kadu Müller. “Nós ficamos muito felizes que a praça vai ser em Montenegro. A cidade precisa disso. São boas expectativas que a gente pode plantar”, declarou ele, aos presentes. Além da geração de empregos, boa parte da arrecadação tributária com os serviços da obra fica para o Município.

Realizando as entrevistas desta quarta, Jaqueline Franke contou que a empresa também busca profissionais em outras cidades. Lajeado, por exemplo, também recebeu a seleção. Apesar de não haver garantias, a expectativa de que novas demandas sejam enviadas ao Sine Montenegro para contratações no pedágio é grande; e traz esperança para muitos que, hoje, tanto almejam um emprego.

Deixe seu comentário