FOTO: ARQUIVO/JORNAL IBIÁ

Dentre as instituições que operam o Programa Emergencial de Acesso a Crédito (Peac), do governo federal, o Banrisul está ampliando a divulgação e oferta da linha para atender ainda mais empresas locais. “Ele foi lançado no início do semestre, mas agora veio mais forte. O objetivo dela é fomentar as empresas que estão com sua operação em dia, mas que precisam de um capital de giro para ficarem ainda mais fortes”, destaca o gerente da Pessoa Jurídica da agência de Montenegro, Pablo Schaefer.

O Peac foi instituído via Medida Provisória em junho e convertido em lei no fim de agosto; justamente para apoiar pequenas e médias empresas, bem como associações, fundações de direito privado e cooperativas, oferecendo crédito como capital de giro para ajudar as organizações a atravessar a crise gerada pela pandemia. Um dos diferenciais é que há concessão de garantias por parte do governo, reduzindo os riscos de inadimplência para as instituições financeiras e, assim, facilitando o acesso ao crédito.

“Ela é uma linha que é avalizada em 80% pelo governo e que tem taxas de balcão a partir de meio por centro” aponta Schaefer. “Ela possui seis meses de carência e mais 42 meses para pagar, ou seja, são 48 meses de prazo. Vem para ajudar nesse capital de giro e dar um prazo porque as empresas precisam, também, poderem começar a girar seus estoques para, depois, começarem a fazer o pagamento”. No Banrisul, os interessados podem procurar a agência através de seus canais digitais: WhatsApp: (51) 998.777.455 ou e-mail [email protected] Através deles, é agendado horário para o atendimento presencial ou visita do gerente à empresa.

Deixe seu comentário