Resolução da Aneel estabelece que a cada três anos seja realizada a revisão para manter o cadastro atualizado. FOTO: arquivo Jornal Ibiá

A RGE iniciou, no dia 1º de junho, o recadastramento de clientes que moram em áreas rurais e estão com pendências no seu cadastro. O recadastramento é necessário para que os clientes continuem a usufruir dos benefícios tarifários na conta de energia. A revisão cadastral está prevista pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), na resolução 901/2020.

A medida da Aneel regulamenta a manutenção dos benefícios tarifários concedidos aos consumidores da classe rural, irrigantes e aquicultores, de serviços públicos de água, esgoto e saneamento. A resolução estabelece que a cada três anos seja realizada a revisão para manter o cadastramento atualizado e garantir que os clientes que atendem às exigências recebam os descontos na conta de luz.

Quem comprovar a atuação no ramo seguirá com os benefícios tarifários. Neste ano, cerca de 52 mil clientes serão avisados sobre a necessidade de atualizar os dados na distribuidora.

Compartilhar

Deixe seu comentário