O reajuste das passagens entrou e vigor neste domingo dia 1º de julho

Aumento de 9,46% entrou em vigor nessa segunda-feira e com nova data marcada para outro reajuste em 2018

Passageiros de ônibus nas linhas intermunicipais começaram a semana pagando mais caro para se deslocar. No domingo entrou em vigor o primeiro reajuste das passagens previsto para este segundo semestre. O Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) decidiu parcelar a revisão das tarifas nesta modalidade de transporte, com base em uma proposta da Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do RS (Agergs).

A aplicação ocorre em duas etapas e com valores idênticos, respectivamente no dia primeiro de julho e primeiro de dezembro. O valor total é de 18,9% para as linhas que utilizam as estações rodoviárias e 22,2% para as modalidades comuns, com embarque ao longo do percurso. A iniciativa da Agência é prevista em lei e resulta de um estudo feito por corpo técnico multidisciplinar que considerou todo o cenário do sistema de transporte.

Em Montenegro, o aumento das passagens não teve repercussão. “Tanto dessa vez, como quando teve o aumento metropolitano, não houve reclamação”, observa o gerente da Estação Rodoviária, Marco Endress. Para ele, os consumidores não sentiram o peso devido ao parcelamento. “Como o aumento foi dividido, ninguém reclamou”, afirma.

O gerente lembra ainda que os custos das passagens sofrem variações conforme a modalidade de deslocamento e pela opção de seguro. As linhas comuns, que executam mais paradas, têm preços mais baixos que as semi-diretas. E a partir deste 1º de julho, também passou a vigorar aumento – de cerca de 9% – no transporte urbano e interiorano de Montenegro.

Deixe seu comentário