A ideia inicial do encontro partiu do Grêmio Estudantil Estagiários, com alunos do último ano do ensino médio

Dia da Saudade emocionou e marcou o encontro de várias gerações que passaram pela instituição

Um momento para rememorar, rever antigos amigos e confraternizar a amizade, assim foi 1º Dia da Saudade, realizado na escola Estadual Técnica São João Batista. A atividade contou com a participação de ex-alunos e professores da instituição que, juntos, compartilharam lembranças de diversas gerações que ajudaram a construir a história da escola.

O clima de nostalgia e a emoção tomaram conta de uma das mais tradicionais escolas de Montenegro. De um lado, estudantes que logo mais irão encarar o vestibular e iniciar um novo ciclo, do outro, ex-alunos que voltaram no tempo e recordaram uma das fases mais especiais de suas vidas: o ensino médio.

Juan Bolivar, Luísa Junges Moreira e Janaina Kranz exibem o moletom da Turma 132, de 2012

A diretora do São João Batista, Juliana Cabreira Bender, explica que a ideia inicial do encontro surgiu do grêmio estudantil da instituição, o Estagiários. “Eles lançaram a proposta e todo mundo comprou a ideia, e graças a essa iniciativa, hoje, várias pessoas se reencontraram e mataram a saudade desse lugar que fez parte da vida de muita gente”, disse a diretora, que também é ex-aluna da escola.

O presidente do Grêmio Estagiários, Lucas Souza dos Santos, destaca que o objetivo do evento é proporcionar uma maior interação entre a instituição, alunos, ex-alunos e professores. “No fim do ensino médio cada um segue um caminho diferente e leva um pouco das coisas que aprendeu e viveu aqui, dessa forma, nossa ideia era possibilitar um momento especial entre todos que estão aqui e, principalmente, os que já passaram”, disse o estudante.

Durante a atividade, alunos, ex-alunos e professores dividiram o palco com apresentações musicais, gincanas e a Sala da Saudade

O encontro ocorreu na manhã do último sábado, 13, e contou com uma programação repleta de atrações. Além de gincanas e apresentações musicais, quem passou pelo evento se deparou com uma surpresa. Em um cantinho especial, as lembranças de quem já fez parte da instituição estavam eternizadas nas inúmeras fotografias dispostas na Sala da Saudade, onde estava o ex-estudante Vinícius dos Santos. Emocionado, ele relembrou a época em que fazia parte do grêmio estudantil, onde foi presidente em 2016.

“Poder voltar aqui e reviver minha época ensino médio é muito especial. Como fiz parte do grêmio, acabei criando vínculo com a direção da escola e isso foi muito importante para criar laços mais fortes”, revelou Vinícius. “É sempre bom ter eventos assim, que estimulam toda essa integração. Estão todos de parabéns”, completou.

Vinícius dos Santos é um dos ex-alunos. Emocionado, elogiou a iniciativa e destacou a importância de atividades como essa para a integração da comunidade

Diante do resultado final, a escola pretende repetir o evento nos próximos anos, é o que afirma a diretora. “Agora nossa intenção é realizar o encontro anualmente, já que tivemos uma participação muito boa de ex-alunos e professores”, comemora Juliana. “Ano que vem esperamos um número ainda maior de participantes”.

“(…) foram os anos mais incríveis das nossas vidas”
Na Sala da Saudade, um trio de amigos mergulhou no tempo e reviveu vários momentos que marcaram a época no São João Batista. Formado em 2012, Juan Bolivar, Luísa Junges Morreira e Janaina Kranz não esconderam a emoção e o carinho que têm pela instituição. “A escola é feita de histórias construídas em grande parte pelos alunos, e o que vivemos aqui levamos para toda a vida”, declarou Luísa.

Para Juan, o que torna o ensino médio tão especial são as obrigações que não têm o mesmo peso quando inicia a vida adulta. “Falaram que a faculdade seria melhor, mas eu não achei porque a pressão é outra e os vínculos não são tão profundos como aconteceu aqui”, disparou o ex-aluno do São João. “Com certeza esses foram os anos mais incríveis das nossas vidas”, completou.

1 comentário

  1. Quem lembra do Hino do Ginásio São João Batista? : “Nosso Ginásio,São João Batista, há de brilhar, como brilha o Cruzeiro,….”

Deixe seu comentário