Nesta terça-feira, dia 3, nada havia sido feito ainda no trecho em frente à Igreja da Comunidade Evangélica

Na fila. Município ainda está captando dinheiro em Brasília para colocar asfalto

Concluído o primeiro trecho da Rodovia Transcitrus em Montenegro, agora os moradores de Campo do Meio e de Santos Reis esperam que a Prefeitura cumpra sua promessa em relação ao trecho da Estrada Fridbert Arno Reinheimer, em frente à Igreja da Comunidade Evangélica de Campo do Meio. São pouco mais de 100 metros que antes misturavam chão batido com ‘tapa-pó’ e agora é somente buracos. O compromisso assumido foi do Município asfaltar com recursos próprios, logo após o fim da obra da Transcitrus.

Mas, na semana passada, a Secretaria Municipal de Gestão e Planejamento (SMGEP) informou que o trecho entre os quilômetros 1+360 metros e km 1+905 da Rodovia Transcitrus está cadastrado na proposta ‘Pavimentação Estrada Geral Santos Reis – Transcitrus – 4ª Etapa’. Este projeto está em fase de captação de recurso junto ao Ministério do Turismo, através do Programa Apoio a Projetos de Infraestrutura Turística. A obra contemplará a terraplanagem, pavimentação, drenagem e sinalização viária.

Obra na Estrada de Pinheiros é no sentido Costa da Serra/ bairro Santo Antônio

Enquanto essa verba não chega, a Prefeitura pretende realizar uma intervenção paliativa, para melhorar um pouco trafegabilidade e segurança. Mas isso dependerá de dias de tempo bom.

Outras estradas no campo aguardam manutenção
Ao menos a comunidade de Pinheiros está vendo melhorias, com uma equipe da Prefeitura trabalhando na estrada desde sábado. Esse é o cumprimento da promessa feita pelo secretário de Desenvolvimento Rural (SMDR), Ari Müller, ao agricultor Cristiano Griebeler. Os dois se encontraram na sessão da Câmara de Vereadores da quinta-feira passada, dia 28.

Ele é apenas um dos muitos cidadãos que procuram o Ibiá para reclamar desta situação no Interior. Na semana passada, Griebeler havia classificado o trecho entre Esquina da Sorte e Associação Comunitária como ‘intransitável’. “É que está desesperador. Esse ano não houve passagem de patrola.”, desabafou.

A reportagem circulou ontem e encontrou dois caminhões e uma patrola depositando saibro, no sentido da Costa da Serra ao bairro Santo Antônio. Mas há sinais de patrolagem em diversos pontos da via.

Morador de Serra Velha divulgou vídeo
Na semana passada, o diretor de Estradas da SMDR, José Carlos de Ávila, informou ao Ibiá que as melhorias dependeriam de tempo sem chuva. Isso dá esperança à comunidade de Serra Velha, onde Sandra Isabel Moraes Lorenz reclama da ligação com Rincão e Catupi. “A situação da mesma está caótica, precisamos chamar a atenção das autoridades para esse descaso”, desabafou. O irmão dela fez um vídeo e divulgou nas redes sociais revelando a situação (veja no QR Code).

Deixe seu comentário