Antes: crateras profundas e perigosas

Depois: acesso a Montenegro recuperado. Fotos: Arquivo Pessoal
No início da semana, a moradora de Coxilha Velha Claudia Motta revelou ao Ibiá a situação do trevo de ligação entre BR-386 e RSC-287. As crateras causavam prejuízo e risco de acidente. Então, após as reclamações dos moradores e a intervenção do Ibiá e de um jornal de Tabaí, entre quarta e quinta-feira a concessionária recuperou o pavimento. Desde o dia 15 de fevereiro deste ano, o trecho entre Canoas e Carazinho é responsabilidade da CCR Via Sul. Reclamações, sugestões e elogios devem ser realizados pelo Telefone 0800-000-0290 ou site www.ccrviasul.com.br.

Deixe seu comentário