Procissão motorizada reuniu fiéis de Nossa Senhora Aparecida, principalmente motociclistas

Procissão motorizada seguida de missa atraiu devotos da padroeira do Brasil

Padroeira do Brasil, Nossa Senhora da Conceição Aparecida é homenageada nesta terça-feira, dia 12, em todo o país. Não foi diferente em Montenegro, onde uma procissão motorizada levou a imagem da santa pelas ruas da cidade até a capela dedicada à Nossa Senhora Aparecida, na localidade de Faxinal. O momento de fé foi seguido de bênção aos participantes da procissão motorizada e missa.

Valéria diz que seu amor pela padroeira do Brasil é algo absurdo

Há oito anos participando de procissões para Nossa Senhora, a diarista Valéria Eunice da Motta, 42 anos, foi uma das fiéis que participou do ato que levou a imagem da santa pelas ruas de Montenegro. “O amor que tenho por ela é absurdo”, garantiu. Ela possui imagens da santa em sua casa e incutiu na filha o amor por Nossa Senhora.

Sobre graças alcançadas por meio da padroeira do Brasil, Valéria acredita que foi por proteção de Nossa Senhora que ela sobreviveu a um acidente ocorrido em 2018. “É sem explicação, foi uma força divina”, relatou. A diarista ressaltou, ainda, que a santa é tida como madrinha de dois grupos que unem suas paixões por motos e cavalos: cavalarianos e motociclistas.

Fabrício participou pela segunda vez de uma procissão em Montenegro

Quem também se fez presente na procissão foi Fabrício Oliveira, 26 anos. O mecânico tomava café da manhã em um estabelecimento da cidade e se preparava para ir a lazer de moto para São Leopoldo quando recebeu o convite de um amigo para participar do ato religioso. Ele disse ter aceitado o convite pela parceria, o amor às duas rodas e pelos vários pedidos seus que já foram atendidos pela santa.

Caminhoneiro, Otávio leva a santa e suas viagens e tem fé nela para reabilitar sua vida

Diferente de Valéria e Fabrício, o caminhoneiro Otávio Luis Sander, 44 anos, aguardou na Capela Nossa Senhora Aparecida a chegada da procissão. Com ele havia uma pequena imagem da santa. “Por onde eu viajo por esse Brasil inteiro levo ela junto”, garantiu. Otávio aposta na fé para se recuperar de um mau momento em sua vida que envolveu, inclusive, a perda da sua habilitação por dirigir embriagado. “Tudo o que eu perdi ela trouxe de volta”, afirmou.

Deixe seu comentário