Mudança. Evento, que ocorre em maio, deve ser transferido para novembro

A 15ª Feira do Livro de Montenegro está prevista para acontecer entre 21 a 25 de novembro, mas primeiro a Câmara de Vereadores precisa aprovar o projeto de alteração da Lei Municipal que estabelece que o evento aconteça em maio. De acordo com o diretor de Cultura Leonardo Appel, os motivos do pedido de alteração de data se dão por vários motivos: não tem tempo hábil para escritores lançarem os livros e para as escolas trabalharem; comemoram-se os 68 anos da Biblioteca Municipal Hélio Alves de Oliveira; o mês é dedicado à cultura e do troca-troca de livros, e acontece a premiação do projeto Poesia em Movimento.

A primeira reunião que teve como pauta a organização da Feira ocorreu ontem e estiveram presentes representantes da Biblioteca, da direção de Cultura, do Sesc, o último patrono da Feira, Oscar Bessi Filho, diretoria do Patrimônio, responsáveis pelos livreiros, diretoria de Educação e Assessoria de Comunicação da Prefeitura.

Para o escritor Carlos Fernando Leser, patrono em 2012, a ideia de a Feira acontecer em novembro é válida. “Em termos de festa, é bacana em maio. Mas em termos práticos de congregar a Feira com as escolas, novembro é muito mais viável”, ressalta. Além disso, Leser salienta que, com a alteração, os escritores terão mais tempo para irem às escolas, mostrarem seus livros e os trabalharem com os estudantes. “A Feira, de certo modo, servirá para fazer um fechamento do trabalho que os escritores farão com as escolas no decorrer dos meses”, conclui.

Uma comissão está sendo formada para definir patrono, homenageado, organizar os livros e demais itens.

Deixe seu comentário