O Quinteto Persch se apresenta nesta sexta-feira, em espetáculo gatuito com retirada de senhas na Fundarte

Programação do evento inclui apresentações do Quinteto Persch e de Toninho Ferragutti, abertas ao público

Neste fim de semana acontece o 2º Encontro de Estudantes de Acordeon, na Fundarte. Foto: reprodução internet

O 2º Encontro de Estudantes de Acordeon inicia nesta sexta-feira e segue no sábado, na Fundação Municipal de Artes de Montenegro (Fundarte). A programação inclui oficinas, debates, ensaios, apresentações e troca de experiências. O início das atividades no primeiro dia é as 8h20min e, no segundo, às 9h. O encontro se propõe a reunir e integrar estudantes de acordeon de Montenegro e cidades próximas para fazer música em conjunto.
As atividades intensivas buscam aprimorar tanto os elementos musicais quanto as habilidades técnicas específicas do instrumento. As inscrições para o evento já foram encerradas, porém, em cada noite acontecerá um concerto no Teatro Therezinha Petry Cardona, às 20h, com classificação livre e entrada gratuita com retirada de senhas na Fundarte.

Na noite desta sexta-feira, o Quinteto Persch se apresentará e, no sábado, Toninho Ferragutti mostrará o seu trabalho. O Quinteto Persch iniciou suas atividades em 1999 com o objetivo de difundir o acordeon através da música de câmara, demonstrando sua versatilidade e oportunizando a exploração do instrumento com repertório erudito.

É o único grupo no país com essa formação instrumental de música de câmara e proposta artística utilizando o acordeon. Foi vencedor do Prêmio Circuito Funarte de Música Clássica 2010. Recebeu o Prêmio Funarte de Concertos Didáticos 2012 e 2014, para a realização de concertos em escolas públicas. É formado por: Adriano Persch, André Machado, Daniel Castilhos, Ezequiel de Toni e Luciano Rhoden.

No sábado é a vez de Toninho Ferragutti subir ao palco do Teatro Therezinha Petry Cardona. Foto: reprodução internet

Toninho Ferragutti é considerado um dos mais talentosos acordeonistas em atividade, é também compositor e arranjador. Ele tem, em sua discografia, 10 CDs solo e em parceria com outros instrumentistas, com indicações ao Grammy Latino (anos 200, com o CD Sanfonema; e 2014 com CD Festa na Roça), Prêmio Tim, Prêmio Governador do Estado de São Paulo, Prêmio da Música Brasileira (indicação14). Recebeu o Troféu Açorianos de Música 20014/20015, da Secretaria Municipal da Cultura de Porto Alegre (RS), como Melhor Compositor Erudito.

Deixe seu comentário