Alunos, professoras e membros do CTG tiveram tarde de aprendizagem e diversão

Na tarde de ontem, 10, o Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Estância do Montenegro esteve de portas abertas às crianças da EMEF Professora Josefa Alves de Oliveira. Os pequenos puderam conhecer melhor o funcionamento de um CTG, desde os trajes, categorias de danças e declamações, além de lendas e símbolos da cidade e do Estado.

Crianças da escola se divertiram com lendas e brincadeiras

Para a diretora cultural do CTG, Carina Weizenmann, é importante que os alunos, ainda pequenos, possam ter contato com as tradições gaúchas. “O objetivo é esse que conseguimos: trazer pra dentro do nosso galpão quem não conhece muito. Mostramos um pouco do que é feito aqui, e que acima das competições que existem nas invernadas, é um lugar de brincadeiras, de diversão”. Ela convidou os alunos a participarem de aulas práticas, que ocorrem todas as terças-feiras.

Membros do CTG estiveram presentes para troca de conhecimento com alunos

Já a professora Juliana Dapper, responsável pelas crianças, explica que a ideia de conhecer o CTG vem para acrescentar em um projeto desenvolvido pela escola. “Percebemos que as crianças não têm muito conhecimento cultural, não sabem o que se aborda em um CTG. Viemos nesse Centro, não porque queríamos conhecer um em específico, mas sim por esse ser um ponto de referência na cidade, assim como também um dos mais antigos daqui”, comenta.
Sobre as atividades desenvolvidas no projeto, Juliana cita aulas com contação de lendas e uma oficina com brinquedos folclóricos. Erica Weizenmann, prenda Mirim da 15ª RT, contou lendas e explicou símbolos da história do Estado com entusiasmo. “Mostro o que eu sei, mostro o que é o CTG na verdade. Assim, eles podem aprender e saber sobre a história do nosso Estado que é tão rica”, finaliza.

Deixe seu comentário