Direção da empresa e representantes do Executivo oficializaram a “entrega” no dia 24, mas banheiros ficaram fechados até segunda para secar a tinta. FOTO: ACOM/PREFEITURA

Obra foi feita pelo Mombach, como contrapartida à incentivos recebidos

Uma cerimônia na manhã da véspera de Natal, dia 24, marcou oficialmente a entrega dos banheiros revitalizados do Parque Centenário. O espaço, porém, ainda precisou passar por uma pintura e passou interditado durante todo o feriadão. Foi aberto, efetivamente, na manhã dessa segunda-feira, 28, e agora está à disposição da comunidade que usa o parque.

A revitalização dos sanitários que ficam junto à pista de caminhada foram conduzidas pelo Mombach Supermercados como contrapartida aos incentivos recebidos pela empresa para a instalação de sua filial no bairro Centenário. O Mombach recebeu da Prefeitura isenção de IPTU por dez anos e também auxílio na construção do prédio, com doação de materiais para composição de concreto e execução do pavimento asfaltico. A empresa, além da reforma dentro do parque, também apresentou como contrapartida a geração de 60 empregos e a arrecadação de impostos.

Os banheiros foram reformados para atender pessoas com deficiência e a obra teve um custo de R$ 28,5 mil. Os trabalhos foram acompanhados pela secretaria de Indústria, Comércio e Turismo.

 

SEGURANÇA
Uma semana antes da entrega da reforma, no dia 17, uma situação revoltou a comunidade. O local foi depredado. A porta de ferro, recém chumbada, foi arrombada durante a madrugada. À reportagem, a direção do Mombach lamentou o ocorrido, dizendo temer que, quando da liberação para uso, o local fosse ser vandalizado. Várias foram as ocorrências do tipo em anos anteriores, bem antes da revitalização, mesmo sendo o Parque Centenário, também, sede da Guarda Municipal de Montenegro.

A Prefeitura registrou boletim de ocorrências sobre o caso, e informou que há um estudo para implantação de câmeras de segurança dentro do parque, a fim de ampliar o controle do espaço público. Não há prazo para que isso ocorra. Dentro do plano de governo do prefeito eleito, Gustavo Zanatta, há a proposta de concessão de uso do Centenário para a iniciativa privada – seja do restaurante, do lago ou das quadras – para que a empresa, em retorno, faça a manutenção e, com ela, a fiscalização do complexo.

Deixe seu comentário