O Coral Vozes era um dos grupos que costumava ter acesso ao Fumdesc. A partir do Fundo, custeava uniformes, a participação em eventos e pagava o regente

A Prefeitura de Montenegro publicou chamamento público para corais interessados em acessar recursos do Fundo Municipal de Desenvolvimento da Cultura, o Fumdesc. O Fundo foi criado em 2010 para financiar projetos em diferentes âmbitos das artes, como escritores, músicos, pintores e grupos de teatro, mas estava desativado desde 2016 por limitações financeiras. Agora retomado, está com disponibilidade de R$ 30 mil que serão distribuídos entre quatro projetos. Nesse primeiro momento, apenas contemplando coros adultos.

Interessados têm até as 14h do dia 4 de novembro para cadastrarem seus projetos junto ao Departamento de Cultura, que fica na Estação da Cultura. Trazendo todo o detalhamento, datas e previsão de despesas, as propostas serão julgadas por uma comissão. Aí pesam na escolha os que preveem eventos que divulguem o Município, os que atinjam a maior parte da comunidade, os que tenham credibilidade reconhecida, etc. Os corais têm que existir há, pelo menos três anos, e estarem com CNPJ ativo na Receita Federal. O edital de chamamento também prevê os detalhes da prestação de contas. O documento , com todas as regras, está disponível no Portal da Transparência, no site da Prefeitura.

Deixe seu comentário