Os valores de produtos disponíveis no comércio variam muito. Os ítens mais caros são as camisetas oficiais

Embora lentamente, venda de produtos relacionados ao campeonato mundial de futebol começa a aumentar e gera expectativas entre os comerciantes

Faltam apenas 13 dias para o início da Copa do Mundo FIFA e as cores verde e amarelo começam a surgir timidamente nas vitrines das lojas de Montenegro. À medida que o evento se aproxima, as expectativas aumentam em relação às vendas de produtos temáticos e animam os comerciantes no centro da cidade.

Para quem não perde a oportunidade de torcer pela Seleção Brasileira sem abrir mão de um adereço chamativo, algumas lojas especializadas no ramo já estão preparadas para receber os consumidores montenegrinos. A grande quantidade de mercadorias atende desde os gostos mais simples até os mais sofisticados. O que não falta são opções para torcer pela seleção da forma mais criativa possível. São capas com o formato da bandeira do Brasil, tiaras decoradas, camisas, chapéus, bandeirinhas, cornetas, entre outros.

Apesar da procura ainda lenta, considerando os poucos dias que antecedem o evento mundial, o comerciante Aluízio Fabiano Menezes afirma que o movimento é bom e, aos poucos, as pessoas começam a procurar por camisas da seleção brasileira. “Brasileiro deixa tudo para a última hora e, quando chegar a semana dos jogos, as vendas vão aumentar”, aposta Menezes, cheio de otimismo. “O segredo é ter preços acessíveis, assim todo mundo poder pagar”.

a vendedora Suélen Somer Zanin destaca a variedade de artigos disponíveis na loja onde trabalha

Em outra loja especializada no ramo de artigos temáticos, localizada na Rua Ramiro Barcelos, a gerente Michele Cieplak comenta que a procura é crescente. “No momento, ainda não temos muita demanda para a Copa, mas acabaram saindo alguns adereços devido às manifestações que ocorreram na cidade durante a greve dos caminhoneiros”, relata a gerente, que tem boas expectativas para as vendas nos próximos dias. “Nós estamos com um estoque bem reforçado há mais de 20 dias, só aguardando o público”.

No mesmo estabelecimento onde trabalha Michele, a vendedora Suélen Somer Zanin, 25, recebe os clientes já em ritmo de Copa. Com lenço verde e amarelo no pescoço e tiara na cabeça, conta o que mais tem vendido nos últimos dias. “Com certeza, as bandeiras, de todos os tamanhos”, afirma Suélen, acrescentando que os próprios comerciantes compram para decorar as suas lojas.

o que comprar?
Os produtos e artigos temáticos da Copa do Mundo são variados e os valores também. No centro de Montenegro, os consumidores vão encontrar desde camisas da seleção por valores entre R$ 30,00 e R$ 249,00, até um chaveiro com uma minichuteira por R$ 2,00.

Para quem deseja decorar a casa ou estabelecimento comercial, é possível comprar bandeiras que variam de R$ 3,99 a R$ 9,99. Já para quem prefere enfeitar a cabeça, os bonés por R$17,99 caem bem. Mas se o objetivo é chamar atenção, quem sabe um chapéu guarda-chuva pelo valor de R$ 3,99 ou até mesmo um lenço, por R$ 11,99, são boas opções.

Compartilhar

Deixe seu comentário