Coletiva de imprensa nesta quarta-feira, 31, deu a tão esperada notícia aos montenegrinos

Espaço gastronômico deve aumentar o uso da Estação da Cultura pela comunidade

Agora, o complexo da Estação da Cultura terá um atrativo a mais aos frequentadores. Fechado desde 2015, o espaço gastronômico “Café da Estação” já tem data para voltar a funcionar. A empresa vencedora do processo licitatório para concessão abre as portas às 7h30min da manhã do dia 31 de agosto.

Foi um processo longo até a oficialização deste retorno. É que foi preciso toda uma revisão da lei municipal que regulamenta a concessão. Um edital anterior chegou a ser publicado, mas a licitação foi deserta, sem nenhum interessado.

Débora Zeballes e o esposo, Marcelo da Rosa, 35, vão tocar o empreendimento com os filhos

Quem enfim aceitou abraçar a iniciativa a partir do último edital é uma empresa familiar montenegrina que respira empreendedorismo. Batizado de “Pedacinho do Céu”, o negócio nasceu quando a proprietária, Débora Zeballes, 34 anos, perdeu o emprego em uma farmácia após ter sofrido um acidente, em 2015.

Precisando incrementar a renda da família, ela ainda lembra que pediu R$ 100,00 ao marido para dar início a um empreendimento próprio. Comprou ingredientes e passou a vender salgados para fora. Era o início da empresa.

Os bons produtos e o impulso do “boca a boca” nas redes sociais popularizaram a “Pedacinho”, que passou a fornecer tortas e salgados para eventos na região. Esse vai seguir sendo o carro-chefe da empresa, que agora também vai tocar o “Café da Estação”, com produtos diferenciados.

“A nossa expectativa está bem boa. Vamos prezar pela qualidade e pelo bom atendimento”, destaca a empresária, sobre a inauguração da nova empreitada. Vão trabalhar no Café, ela, o esposo e os três filhos, que abraçaram junto o empreendimento da mãe.

O café vai funcionar direto, das 7h30 às 20h. Vai dar para tomar o café da manhã na Estação da Cultura e, porque não, um cafezinho depois do almoço. A operação será todos os dias da semana, com a exceção da manhã de segunda-feira, que é reservada às compras dos produtos que são adquiridos fora do município.

A expectativa é grande. “A comunidade abraçou o resgate da Estação para poder aproveitá-la e, com certeza, o café vai trazer ainda mais pessoas”, destacou o prefeito Kadu Müller, durante a divulgação da reinauguração do empreendimento. Muito esperada pelos montenegrinos, a notícia foi dada em coletiva de imprensa nesta quarta-feira, 31, junto dele, da empresária, da secretária municipal de Educação e Cultura, Rita Carneiro Fleck, e da diretora de Cultura, Priscila Nunes.

Deixe seu comentário