Com brinquedos quebrados cuidado dos pais é redobrado na hora de brincar

Muitos brinquedos da Praça São Pedro, no bairro Timbaúva, já estão quebrados e impedindo as crianças de brincar

Em um dia de sol e com uma temperatura agradável, nada melhor para uma criança que brincar ao ar livre. Mas, isso só é possível quando o local oferece uma estrutura adequada. Na Praça São Pedro, bairro Timbaúva, a precariedade dos brinquedos, falta de manutenção, insegurança e o lixo acumulado, preocupam os moradores e pais que levam as crianças.

Para quem mora há anos no bairro, a situação da praça desanima. Deise Wening, moradora do bairro há dez anos conta que a infraestrutura precária, muitas vezes, prejudica a brincadeira do filho. “Moro aqui há muito tempo e não aconteceu nada. Os brinquedos quebrados dificultam, mas não adianta reclamar quando o que se coloca à disposição acaba sendo estragado”.

Kelen Laurent, costuma levar o filho de 5 anos para brincar na pracinha, mas diz que se preocupa com a falta de manutenção dos brinquedos, que podem trazer risco para os pequenos.

“Trago sempre que dá, ainda mais quando dá um dia bonito assim como hoje (terça-feira). Alí a gente precisa estar sempre cuidando”, diz ela apontando pra um brinquedo quebrado e que já está em desuso por estar pendido para um dos lados. “Quando tem muita criança, os pais sempre ficam em cima. A gente fica com medo. Pede pra não ir ali”.

Cronograma
Junho – Olaria, Ferroviário, Passo do Manduca e Centro (sul)
Julho – Industrial, Municipal e Tanac
Agosto – Timbaúva e Zootecnia
Setembro – Aeroclube e Germano Henke
Outubro – Estação
Novembro – São Paulo Dezembro – Santa Rita

Prefeitura afirma que fará manutenção conforme cronograma estabelecido
A Manutenção das praças é responsabilidade da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA). De acordo com o Executivo, trata-se de uma ação conjunta das pastas de Meio Ambiente, e Viação e Serviços Urbanos e Obras Públicas.

Esses setores seguem uma programação para a realização de serviços de limpeza pública, eletricidade, esgoto e outros serviços. Será um cronograma que irá organizar melhor as ações realizadas pelas secretarias.

“É preciso que haja uma consciência, por parte da população, para que cuidem, fiscalizem e usem, de forma correta, os brinquedos. É lamentável que esse material – disponível para as crianças – ainda sofra com depredação. A SMMA tem feito o possível para arrumar os brinquedos que estão quebrados e retirando os que não possuem mais condições de uso”, diz a nota emitida pela Assessoria de Comunicação da prefeitura (Acom). “Quando a situação financeira melhorar, poderemos fazer um raio-x dos brinquedos quebrados para tentar colocar novos”.

Problemas em praças devem ser protocolados na Prefeitura ou entrando em contato com a SMMA no telefone (51) 3649-1829.

Deixe seu comentário