Calçada segue gerando transtornos, já que o responsável foi multado e não executou o serviço. Foto: arquivo pessoal

A moradora do bairro Rui Barbosa, Priscila Spohr, segue tentando resolver um problema já divulgado pelo Ibiá no mês passado. Uma calçada quase tomada de mato em sua rua, Flores da Cunha, tem causado transtornos. Mesmo tendo protocolo em aberto junto à Administração Municipal, Priscila não obteve um retorno.

O Ibiá, que já tinha realizado contato via assessoria de imprensa, conseguiu retorno da Diretoria de Fiscalização e Posturas, de que o proprietário responsável pela demanda havia sido notificado e caso não evoluísse a situação, seria passível de multa. No fim da semana passada, Priscila voltou a pedir auxílio à reportagem, com a informação de que a demanda não foi sanada. Após novo contato via assessoria, o Ibiá teve um novo retorno do setor, que afirmou que o proprietário foi multado. A partir de agora, o mesmo terá um prazo para resolver a demanda e também pagar a multa. Caso não cumpra, a Prefeitura executará o serviço e cobrará o valor do responsável.

Compartilhar

Deixe seu comentário