Serão investidos R$ 850 mil em equipamentos e R$ 5 milhões na compra de materiais

Buscando melhorar a infraestrutura dos bairros e estradas do interior com recapagem asfáltica e calçamento regular, a Administração Municipal lançou nessa segunda-feira, 13, o programa “Asfalto para Todos”, no plenário da Câmara Municipal de Vereadores. A previsão é que até o fim do mandato, em 2024, sejam atendidos os 26 bairros da cidade e localidades do interior.

Com a presença do chefe do Executivo Gustavo Zanatta, de vereadores e membros da Administração Pública, o gerente de Contratos e Convênios, Silvio Kael, apresentou o projeto e destacou que independente de onde ocorrer a recuperação, o asfalto será para beneficiar a todos. “Não irá acontecer da noite para o dia. Tem etapas para serem cumpridas, mas já temos obras para começarem logo”, diz.

Segundo Silvio, a recuperação do pavimento asfáltico, no aspecto financeiro, foi planejada em três eixos: recursos próprios, emendas de deputados federais ao Orçamento da União e programa de financiamento do governo. No total, serão investidos R$ 850 mil em equipamentos e R$ 5 milhões, de recursos próprios, na compra de materiais.

O prefeito Gustavo Zanatta destacou que graças a equipamentos adquiridos (bomba de emulsão da usina, vibroacabadora, espargidor de asfalto e cortador de asfalto) e recuperação da usina de asfalto frio será possível realizar diversas intervenções com custo muito mais baixo. “Nosso foco é melhorar a qualidade de vida da população. Estamos falando de uma demanda que sempre esteve na pauta da comunidade”, enfatiza.

O programa será desenvolvido em várias etapas, levando em conta critérios como a ligação do bairro com o Centro, a qualificação do acesso a serviços públicos (escolas, postos de saúde, entre outros) e as regiões mais vulneráveis e com mapeamento da assistência social. Dentre as obras que serão realizadas por meio de emendas de parlamentares, estão a das ruas Ibiá, Ênio de Castro Freitas e Dr. Hugo Wolgemuth, com recurso de R$ 257 mil do senador Luiz Carlos Heinze; e das vias Arthur Renner, Aloys Jacob Kerber e Estrada Cylon Rosa, no valor de R$ 278.978,00 oriundas do deputado federal Giovani Feltes.

Algumas ruas serão recapeadas com equipamentos e recursos próprios. Dentre as obras que iniciam já nos próximos dias estão as das ruas Mário Inácio, Capitão Jacinto José Fernandes (trecho entre a Mário Inácio e a praça), Catarina de Andrade (até a praça), anel viário em torno da praça São Pedro, Lourenço Wolf (até a rua Acácia), Acácia (até a T. Weibull) e o prolongamento da Gustavo Mottin (trecho entre a Mário Inácio e a Bruno de Andrade).

Além disso, as ruas abarcadas no Avançar Cidades também devem receber pavimentação. Ainda essa semana o Executivo irá publicar um certame para contratação de empresas para microrevestimento de ruas. De acordo com a Administração, a expectativa é de que no início de 2022 sejam feitas intervenções na rua José Luiz (entre Cristiano Mate e Balduíno Rambo); Av. Júlio Renner (entre ERS-124 e Rua Maranhão); rua Capitão Jacinto (entre Dr. Bruno de Andrade e Av. Júlio Renner); rua Dr. Bruno de Andrade (entre Capitão Jacinto e Av. Júlio Renner); rua Fernando Ferrari (entre entre Capitão Cruz e Capitão Porfírio); rua Bento Gonçalves (entre Fernando Ferrari e Osvaldo Aranha); rua Santos Dumont (entre Buarque de Macedo e Ramiro Barcelos); rua João Pessoa (entre Santos Dumont e Fernando Ferrari); rua Capitão Cruz (entre Fernando Ferrari e Capitão Marques); rua Antônio Marques (entre Flores da Cunha e Monteiro Lobato) e rua Ramiro Barcelos (nos trechos entre Antonio Marques e Osvaldo Aranha e Olavo Bilac e Fernando Ferrari). O orçamento previsto para o investimento é em torno de R$1,2 milhão, com recursos próprios.

Na ocasião, Zanatta ressaltou o comprometimento de asfaltar a estrada do Passo da Amora – que liga Montenegro a Vendinha . Ele pediu também o apoio dos vereadores para concretizar o pedido da população.

Deixe seu comentário