Alunos do pré demonstram interesse na história e na existência dos dinossauros. Foto: EMEF Dona Clara Camarão

Teve criançada conhecendo um mundo novo. Pelo menos para elas, é bastante novo. É que estudantes da Escola Municipal Ensino Fundamental Dona Clara Camarão, instalada na localidad de Alfama, interior de Montenegro, realizaram uma saída de campo ao Museu de Paleontologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). A saída foi realizada com os alunos do pré, entre 4 e 5 anos, para agregar ao projeto científico da turma, realizado pela escola. Tal projeto tem como tema as descobertas sobre os dinossauros. Conforme a professora responsável pela turminha, Patrícia Franz, o interesse pelos dinossauros partiu dos próprios alunos assim como algumas dúvidas da veracidade da existência dos animais no passado.

“O pré vinha demonstrando interesse sobre os dinossauros desde o início do ano, quando levei alguns livros para sala, entre eles, um sobre os dinossauros, então todo dia havia disputa por ele. Nas nossas conversas, ficava claro que a fantasia se misturava com a realidade e muitos acreditavam ter uma espécie de ‘Terra dos Dinossauros’ onde eles ainda estariam vivos”, conta. Então, aproveitando as dúvidas e hipóteses, surgiu o projeto “Os dinossauros existiram de verdade?”. Assim, uma das ações do projeto para investigação da real existência, foi a visita ao museu.

“Visitamos um lugar onde pudemos ver ossos e conversar com pesquisadores, os alunos estavam acompanhados por mim, pela merendeira da escola e por familiares”, explica a professora. Outras ações estão sendo realizadas para incrementar no projeto, como a escrita de um livro chamado “Pré-Histórias”, que está sendo desenvolvido pelas crianças do pré, juntamente com o mascote, o dinossauro, e as famílias.

Deixe seu comentário