Foto: Reprodução Internet

Durante três dias, a população de Montenegro registrou problemas no abastecimento de água. Segundo a Corsan, a interrupção no fornecimento de água é decorrente da falta de luz na estação de tratamento de água (ETA II), situada perto da antiga fábrica da Antárctica, desde sábado, 15, até essa segunda-feira, 17.

Falta de água em horários de pico e baixa pressão são alguns dos problemas que moradores de diversos bairros enfrentaram após o temporal do final de semana. Segundo a Corsan, devido aos fortes ventos nos últimos dias a rede de alta tensão, próximo a ETA, teria sido afetada, consequentemente, alterando o serviço de distribuição de água. “A água eu preciso fazer reservação, eu preciso bombear para o reservatório. Quando falta luz o reservatório vai baixando e ai depois eu tenho que repor”, explica o engenheiro responsável pela operação da Corsan em Montenegro, Ângelo Marcelo Faro.

Segundo ele, o abastecimento para as residências já retornou, entretanto de forma precária, pois a expectativa é que o reservatório fique cheio até a madrugada desta quarta-feira, 19. Os problemas em decorrência da queda de luz já foram regularizados pela RGE.

Entre os bairros que foram afetados por falta de água estão: Aeroclube, Bela Vista, Bom Jesus, Centenário, Cinco de Maio, Esperança, Estação, Faxinal, Germano Henck, Imigração, Industrial, Morada do Sol, Municipal, Nova Timbaúva, Panorama, Progresso, Rui Barbosa, Santa Rita, Santo Antônio, São João, São Paulo, São Pedro e Senai.

Deixe seu comentário