Resultado da final da Libertadores pode impactar diretamente na reta decisiva do Brasileirão. Foto: divulgação Conmebol Libertadores

Neste sábado, Palmeiras e Santos fazem a grande final da Libertadores da América, a partir das 17h, no Maracanã. Além da importância que tem o título da competição para o vencedor, o clássico paulista pode impactar diretamente o calendário do futebol brasileiro em fevereiro e, consequentemente, a reta final do Brasileirão. Por mais que os dois clubes não tenham chances reais de conquistar o Campeonato Brasileiro, o resultado deste sábado pode determinar o rumo de vários clubes ao final da temporada.

O Grêmio é um dos principais “interessados” nesta final. Se o Palmeiras for o campeão continental, o Brasileirão terá um G-7, já que o alviverde estará garantido na próxima edição da Libertadores e, no momento, ocupa a quinta posição no nacional. Além disso, as decisões da Copa do Brasil só serão realizadas nos dias 28 de fevereiro e 7 de março, já que o Palmeiras iria para o Catar para a disputa do Mundial de Clubes.

A conquista da Libertadores pode fazer o Palmeiras chegar “leve” para decidir a Copa do Brasil contra o Grêmio. Além disso, o time paulista estará bem mais desgastado que o tricolor.
Se o título da competição continental ficar com o Santos, o Campeonato Brasileiro seguirá com o G-6, já que o peixe está atualmente na 10ª colocação. A equipe de Marinho, Soteldo e cia. viajaria para o Catar logo após a final no Maracanã e as finais da Copa do Brasil seriam confirmadas para os dias 11 e 17 de fevereiro.

Os colorados também têm interesse na decisão deste sábado. O Palmeiras, que ainda enfrenta São Paulo e Atlético-MG (dois adversários do Inter na briga pelo título nacional) no Brasileirão, jogaria sem preocupações contra esses times caso conquiste a Libertadores. Mas se o Santos for o campeão continental, o Palmeiras deve voltar suas atenções para o Campeonato Brasileiro para garantir vaga na próxima Libertadores.

Deixe seu comentário