Time de Montenegro jogou em casa. Melhora no desempenho no segundo tempo não foi suficiente para buscar a vitória

Futebol. Com o resultado, time montenegrino não tem mais chances de G-4

A gurizada da categoria Sub-20 do G.E. Municipal entrou em campo na fria manhã do último domingo, 30, para mais uma partida da fase classificatória do Gauchão Sulicampe. Já garantido nos matas, o time montenegrino buscava a vitória contra o Novo Hamburgo para assegurar um lugar no G-4 do campeonato, avançando direto para as quartas de final. Mas o objetivo foi frustrado. O Novo Hamburgo ganhou por 2 a 0, com gols marcados ainda no primeiro tempo.

Foi uma partida acirrada, mas praticamente dominada pelo time vencedor durante a etapa inicial. O Municipal até ensaiou uma recuperação na segunda etapa, mas perdeu a chance de marcar, desperdiçando um pênalti. Ainda teve três jogadores expulsos por lances envolvendo faltas e uma discussão que chegou a interromper a partida por alguns minutos. O Novo Hamburgo também teve uma expulsão. Ao fim da partida, Leleco, técnico do time local, saiu questionando a arbitragem.

“Eu estava debatendo um pênalti que o cara fez por trás. Ele já tinha o amarelo e eu entendo que ele devia ter tomado o outro”, reclamou. “Depois, na briga, deu tumulto, e o mesário saiu da mesa e relatou que meu jogador agrediu, sendo que os dois se agrediram. Ele deu vermelho só para o jogador do Municipal.”

Apesar disso, o professor reconhece que houve erros do time. “O Novo Hamburgo, no primeiro tempo, jogou bem melhor que nós. Não teve nenhum lance polêmico. No segundo, a gente melhorou e tomou conta do jogo, mas time que quer seguir para frente, tem que jogar os dois tempos igual”, declarou.

Com a derrota, o time de Leleco já não alcança mais o almejado G-4 do campeonato. O grupo ainda tem mais um jogo no próximo domingo, dia 6, contra o DS Sport Center, de Caxias do Sul, para definir sua posição nos matas. A partida ocorreria no mesmo dia do duelo com o Novo Hamburgo, mas acabou sendo transferida; e ainda não tem horário definido. Alguns dos oponentes estão com jogos atrasados, também, o que deve interferir na classificação do time de Montenegro. “A gente deve ficar entre o sexto e o sétimo lugar”, projeta o treinador do Municipal.

Deixe seu comentário