Lateral Erik tem facilidade para atacar e boa qualidade técnica, mas ainda precisa evoluir na marcação. Foto: Ricardo Duarte / divulgação Inter

Caras novas. Dois laterais da base foram chamados para a intertemporada

Campeão com a Seleção Pré-Olímpica na França, o lateral-esquerdo Iago não faz mais parte do elenco do Inter. No último sábado, o clube anunciou a venda do jogador para o Augsburg, da Alemanha. Na negociação, o colorado recebeu pouco mais de R$ 20 milhões. Para o segundo semestre da temporada, a direção e a comissão técnica devem apostar no experiente Uendel e em atletas das categorias de base para a posição.

O elenco voltou aos treinamentos nesta semana e está em Atibaia-SP realizando a preparação para os desafios do mês de julho. Logo após a Copa América, o Inter vai encarar o Palmeiras pelas quartas de final da Copa do Brasil, terá clássico Gre-Nal pelo Brasileirão e enfrentará o Nacional-URU pelas oitavas de final da Libertadores.

A direção trabalha para reforçar o plantel e, ao mesmo tempo, tenta segurar algumas peças do time titular que despertam interesse do exterior. O Al-Hilal, da Arábia Saudita, já formalizou duas propostas para tirar o volante Edenílson do Inter, mas ambas as ofertas foram recusadas.

Dois laterais da base foram chamados para participar da intertemporada com a saída de Iago. Destaque do time Sub-20, Erik deve ser o reserva imediato de Uendel no segundo semestre. Outro canhoto da posição que vem treinando com o grupo principal é Leonardo Borges. A comissão técnica ainda observa de perto outros garotos oriundos da base nos treinos em Atibaia, como o zagueiro Pedro Henrique, o lateral-direito Heitor, o volante Zé Gabriel e o meia José Aldo.

Com a maratona de jogos que o clube terá pela frente, esses atletas podem receber oportunidades na equipe titular.

Deixe seu comentário