Grêmio construiu boa vantagem nos primeiros 90 minutos da decisão. Foto: Lucas Uebel / divulgação Grêmio

Com gols de Pepê e Everton, o Grêmio saiu na frente do Caxias na final do Campeonato Gaúcho. Na noite da última quarta-feira, no estádio Centenário, o tricolor venceu os donos da casa por 2 a 0 e abriu vantagem no confronto de 180 minutos. A partida de volta será disputada neste domingo, às 16h, na Arena. A equipe gremista pode até perder por um gol que ficará com o tricampeonato do Gauchão.

Campeão estadual em 2018 e 2019, o Grêmio busca um feito que não atinge há três décadas: enfileirar três conquistas seguidas do Campeonato Gaúcho. Na época, o tricolor foi hexacampeão (de 1985 a 1990). A vitória na primeira partida foi celebrada e valorizada pelo técnico Renato Portaluppi. No entanto, o resultado da ida não garante o título, de acordo com o comandante gremista. “Temos uma vantagem, mas não está nada definido. Eles terão nosso respeito. O pensamento na partida será que está 0 a 0”, disse após o jogo.

Para o duelo, Portaluppi não poderá contar com Matheus Henrique, que recebeu o terceiro cartão amarelo. Autor do primeiro gol na quarta-feira, Pepê sentiu um problema muscular e preocupa a comissão técnica. Já Kannemann e Orejuela, que cumpriram suspensão no primeiro jogo, voltam a ficar à disposição. Diego Souza ainda é dúvida.

A provável escalação gremista para encarar o Caxias na grande final do Gauchão tem Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Lucas Silva, Maicon, Alisson, Jean Pyerre e Everton; Isaque (Diego Souza).

Deixe seu comentário